Olhos revelam orientação sexual

por Lucas Rabello
1 comentário 297 visualizações

Pesquisadores da Universidade Cornell conduziram um estudo para investigar se a dilatação das pupilas pode revelar a orientação sexual de uma pessoa. Eles utilizaram lentes infravermelhas para rastrear mudanças no tamanho das pupilas entre indivíduos heterossexuais, homossexuais e bissexuais enquanto assistiam a vídeos eróticos. Os resultados foram publicados no periódico PLoS ONE.

O experimento mostrou que homens heterossexuais apresentaram um aumento significativo no tamanho da pupila ao visualizarem vídeos com mulheres, mas pouca ou nenhuma mudança quando os vídeos apresentavam homens. Por outro lado, mulheres heterossexuais exibiram dilatação pupilar em resposta a vídeos de homens e mulheres, sugerindo uma gama mais ampla de atração. Isso apoia a noção de que a sexualidade feminina pode diferir da masculina.

Homens bissexuais demonstraram aumento no tamanho da pupila ao serem expostos a cenas com homens ou mulheres, indicando um nível similar de atração por ambos os sexos. Homens homossexuais, por sua vez, mostraram maior dilatação pupilar para imagens eróticas do mesmo sexo em comparação com seus pares heterossexuais.

Um dos coautores, Ritch C. Savin-Williams, observou que os achados desafiam as visões binárias tradicionais da orientação sexual. Ele sugeriu que “predominantemente hétero e predominantemente gay” poderiam ser descritores mais precisos, refletindo um espectro, em vez de categorias distintas.

Os pesquisadores destacaram o benefício de usar a pupilometria neste contexto — ela oferece um método não invasivo para explorar a orientação sexual, potencialmente fornecendo insights sobre a natureza complexa da sexualidade humana sem exigir revelação verbal dos participantes.

1 comentário

Marcos 7 de maio de 2024 - 20:10

Mas desde que mundo existe isso já era sabido

Responder

Deixar um comentário

* Ao utilizar este formulário você concorda com o armazenamento e tratamento de seus dados por este site.

Mistérios do Mundo 2024 © Todos os direitos reservados