Grupo é flagrado puxando filhotes de urso de uma árvore para tirar uma ‘selfie’ com eles

por Lucas Rabello
0 comentário 78 visualizações

Em 16 de abril, no Condado de Buncombe, Carolina do Norte, EUA, um vídeo chocante registrou um grupo de seis pessoas arrancando filhotes de urso de seus esconderijos no alto das árvores, perto de um complexo de apartamentos. As imagens mostram-nas retirando os animais apenas para tirar selfies. Em uma parte do vídeo, um filhote é até mesmo visto sendo derrubado.

Uma pessoa do grupo segura um dos filhotes diante de uma cerca, posando, enquanto outra se agacha para tirar uma foto. Enquanto isso, outro membro é flagrado pela câmera estendendo-se até outra árvore para agarrar um filhote.

As autoridades foram alertadas e chegaram ao local prontamente. A bióloga de projetos especiais da Comissão de Recursos de Vida Selvagem da Carolina do Norte, Ashley Hobbs, também foi chamada. Quando ela chegou, apenas um filhote permanecia no local. Hobbs relatou à ABC 13 News que este filhote estava molhado e frio e precisava ser transferido para um centro de reabilitação. “Acreditamos que o urso provavelmente teve uma experiência bastante traumática”, ela observou.

Os indivíduos envolvidos foram confrontados pelos oficiais ali mesmo. “[Nós] deixamos claro como é irresponsável e potencialmente mortal para esse filhote ser separado de sua mãe, especialmente sendo arrancado de uma árvore dessa forma”, explicou Hobbs.

O incidente também atraiu críticas severas de Jody Williams, fundador do Help Asheville Bears. “Tudo por uma selfie. Tudo por uma selfie. […] Ansiedade extremamente alta. Sinto pena dos filhotes. Sinto pena da ignorância dessas pessoas. Total egoísmo. Isso não é o que falamos quando falamos sobre coexistência”, ele disse.

A reação nas redes sociais foi rápida e intensa, com muitos expressando sua indignação e incredulidade. Um usuário do YouTube comentou: “Quem criou essas pessoas. Tão desrespeitoso com a vida selvagem. Espero que possam ser apresentadas algumas acusações. Tiveram sorte de a mãe urso não ter saído e dado uma lição neles. Não sei se eles se arrependeram.”

“Deixem os ursos em paz”, exigiu outro usuário, enquanto um terceiro comentou: “Espero que tenham sido acusados.”

O caso ainda está sob investigação, e os olhos do público estão voltados para como isso será resolvido, na esperança de justiça para os filhotes maltratados.

Deixar um comentário

* Ao utilizar este formulário você concorda com o armazenamento e tratamento de seus dados por este site.

Mistérios do Mundo 2024 © Todos os direitos reservados