Vídeo arrepiante mostra o interior da cabine enquanto Boeing 737 cai no oceano

por Lucas Rabello
0 comentário 3,9K visualizações

Os momentos finais de um voo infeliz da Air Niugini foram capturados em vídeo, revelando o caos intenso na cabine antes de o avião cair na água. O incidente de 2018 ocorreu durante a aproximação para pouso no Aeroporto Internacional de Chuuk, na Micronésia, Papua Nova Guiné. A pista estava encoberta por uma tempestade, forçando os pilotos a dependerem dos instrumentos para o pouso. No entanto, eles perderam um aviso crucial no console, sinalizando sua proximidade ao perigo, e não fizeram a arremetida, que seria o procedimento correto nessa situação.

No vídeo, a voz frenética do copiloto soa: “Muito baixo! Estamos muito baixos! Estamos muito baixos!” Momentos depois, o avião mergulha na Lagoa de Chuuk, um corpo de água no Oceano Pacífico, cerca de 450 metros antes da pista. Essas imagens, gravadas pelo engenheiro de voo para uso pessoal, se tornaram fundamentais na investigação.

A investigação subsequente revelou que os pilotos estavam tão focados em pousar que ignoraram um alerta “PULL UP” (SUBA) piscando no Display Primário de Voo (PFD). Sua fixação nas pistas de pouso fez com que perdessem o aviso visual e não corrigissem a perigosa descida. Nenhum dos pilotos reconheceu a situação que se deteriorava rapidamente, levando ao trágico acidente.

O acidente resultou em uma fatalidade e nove feridos. A resposta rápida de operadores de barcos locais e mergulhadores da Marinha dos EUA ajudou a resgatar os 12 tripulantes e 34 passageiros do avião semi-submerso. A cena foi caótica, mas a ação rápida garantiu que a maioria das vidas fosse salva.

O Comissário-Chefe Hubert Namani criticou os pilotos por sua falta de consciência situacional. Ele afirmou que ambos os pilotos estavam tão concentrados nos comandos de pouso que não perceberam as condições que pioravam. Namani destacou a importância do vídeo do engenheiro, que forneceu uma visão sem filtros do ambiente da cabine e dos instrumentos, sendo inestimável para a investigação.

Inscreva-se no canal Mistérios do Mundo no YouTube

Deixar um comentário

* Ao utilizar este formulário você concorda com o armazenamento e tratamento de seus dados por este site.

Mistérios do Mundo 2024 © Todos os direitos reservados