Homem que pensava que não tinha filhos descobre que tem 37 filhos secretos

por Lucas Rabello
0 comentário 617 visualizações

Em outubro de 2017, a vida de Peter Ellenstein tomou um rumo inesperado quando ele recebeu uma mensagem no Facebook de Rachel White, uma jovem que afirmava ser sua filha biológica. Aos 62 anos, Peter, originário da Califórnia, ficou surpreso com essa revelação. Ele compartilhou a notícia surpreendente com um amigo, sua então esposa e irmãos, que inicialmente especularam que poderia ser um golpe.

A jornada de Peter rumo à paternidade inesperada começou nas décadas de 80 e 90, quando ele decidiu se tornar um doador de esperma para financiar seu sonho de iniciar uma companhia de teatro. Ele fez inúmeras doações em um banco de esperma local, nunca imaginando as implicações de longo prazo. A realidade de suas ações só se tornou clara para ele quando Rachel entrou em contato décadas depois.

Após o choque inicial, Peter e Rachel decidiram se encontrar na mesma noite em que se conectaram pela primeira vez. O encontro foi emocional, repleto de abraços e lágrimas, mas eles rapidamente formaram um vínculo, passando horas conversando até a madrugada. Esse encontro marcou o início da jornada de Peter de conhecer seus descendentes biológicos, com a ajuda de Rachel levando-o a conhecer 34 de seus filhos biológicos até o momento.

Homem que pensava que não tinha filhos descobre que tem 37 filhos secretos

Rachel, após o primeiro encontro, voltou com uma lista de mais 11 irmãos que ela havia descoberto. A curiosidade de Peter o levou a um site de genealogia, onde ele encontrou mais filhos biológicos, entrando em contato com eles um a um. Refletindo sobre seu passado, Peter lembrou como a clínica havia lhe garantido anonimato no momento da doação, com a única exceção sendo uma emergência médica grave que pudesse exigir sua ajuda.

Apesar de suas contribuições, Peter não havia previsto esse resultado. Ele viveu sua vida sem a intenção de iniciar uma família tradicional, tendo sido casado antes, mas sem filhos. No entanto, o surgimento de seus filhos biológicos transformou sua vida, trazendo um senso de conexão familiar que ele não havia antecipado. Ele expressou como essa experiência enriqueceu significativamente sua vida, oferecendo-lhe percepções sobre si mesmo e tornando-o uma pessoa melhor.

Peter mantém relacionamentos com seus filhos biológicos por meio de um grupo privado no Facebook, onde eles trocam piadas e discutem seu amor compartilhado por jogos de tabuleiro. Suas interações com eles variam, com alguns laços mais fortes do que outros, refletindo as diversas dinâmicas dentro de qualquer família. Ele reconhece que, embora esses relacionamentos sejam diferentes daqueles formados através da criação de filhos, eles são, mesmo assim, significativos, moldados pelos desejos e necessidades individuais de cada filho.

Deixar um comentário

* Ao utilizar este formulário você concorda com o armazenamento e tratamento de seus dados por este site.

Mistérios do Mundo 2024 © Todos os direitos reservados 

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso ao permanecer nesse site. Aceitar Leia mais