Homem que faltou ao trabalho por 6 anos sem ser notado

por Lucas Rabello
3,1K visualizações

Imagine receber um salário para não fazer absolutamente nada durante seis anos inteiros. Parece um sonho, certo? Bem, para um homem espanhol sortudo (ou astuto), esse sonho se tornou realidade.

Conheça Joaquín García, o senhor de 69 anos que realizou o maior ato de desaparecimento no ambiente de trabalho. Empregado como supervisor de edifícios em uma estação de tratamento de água em Cádiz, Espanha, Joaquín decidiu um dia que estava farto da rotina das 9 às 17 horas. Então, o que ele fez? Simplesmente parou de aparecer no trabalho. Mas aqui está o detalhe: ninguém notou durante seis anos!

Você deve estar se perguntando: “Como ele conseguiu isso?” Acontece que uma mistura de confusão burocrática e pura sorte jogou a favor de Joaquín. Dois departamentos diferentes pensavam que o outro estava cuidando dele.

Durante seis anos felizes, Joaquín coletou seu salário anual de cerca de € 40 mil sem levantar um dedo. Isso mesmo, ele recebia um bom dinheiro para ficar em casa e, segundo ele, estudar filosofia. Nada mal se você conseguir!

Mas, como dizem, todas as coisas boas devem chegar ao fim. A incrível sequência de ausência remunerada de Joaquín terminou da maneira mais irônica possível. Ele estava prestes a receber um prêmio por seus 20 anos de “serviço” à empresa.

Quando seus chefes tentaram contatá-lo para a cerimônia de premiação, finalmente perceberam que algo estava errado. Imagine o choque deles ao descobrir que seu funcionário exemplar não pisava no escritório há seis anos!

Quando confrontado, Joaquín afirmou que era vítima de bullying no trabalho e que inicialmente parou de comparecer para evitar conflitos. Verdade ou não, você tem que admitir que é preciso ter muita coragem para faltar ao trabalho por tanto tempo.

No final, Joaquín foi obrigado a devolver cerca de € 30 mil, que era a multa máxima que poderiam impor. Mas nem isso abalou seu espírito. Ele iniciou uma petição contra a multa, e algumas pessoas até admiraram sua audácia!

Essa história se espalhou como fogo, capturando a imaginação do mundo todo. Afinal, quem nunca sonhou em faltar ao trabalho por um dia ou dois? Joaquín levou esse sonho ao extremo e correu com ele por seis anos inteiros!

Então, da próxima vez que você se sentir um pouco desmotivado no trabalho, lembre-se de Joaquín García. Ele transformou a procrastinação em uma forma de arte e se tornou uma lenda no processo. Só não tente fazer isso no seu próprio emprego – a menos que esteja preparado para uma conversa bem estranha com seu chefe!

Fonte: BBC

Lucas Rabello
Lucas Rabello

Fundador do portal Mistérios do Mundo (2011). Escritor de ciência, mas cobrindo uma ampla variedade de assuntos. Ganhou o prêmio influenciador digital na categoria curiosidades.

Mistérios do Mundo 2024 © Todos os direitos reservados