Notícias e artigos sobre ciência, incluindo espaço, biologia, arqueologia, e muito mais.

Você sabe o que é esse “furinho no olho” que temos?

Um tuíte andou circulando na internet provocando confusão em vários internautas. Nele é dito que há um “furinho no olho” onde supostamente as lagrimas saem, sendo que muitos dos que acompanharam a postagem disseram estar incrédulos por “não terem descoberto disso antes”. Mas… será que você sabe o que é esse “furinho no olho” que temos? Nós explicamos:

As lágrimas, também conhecidas como “fluido lacrimal” são compostas por água, sais minerais e gordura, tendo a função de proteger e lubrificar os olhos. Elas são liberadas pela chamada “glândula lacrimal”, que está localizada na parte superior do olho, coberta por pálpebra. Mesmo quando não choramos, nossos olhos são lubrificados ao piscar e assim uma fina película de proteção é formada.

Você ainda deve estar se perguntando: mas e o “furinho” que temos no olho?

Bem, após realizar a função de lubrificar os olhos, essas mesmas lágrimas devem sair por algum lugar, certo? Elas podem tanto secar como escorrer pelo seu rosto, porém parte significativa delas vai para os chamados “pontos lacrimais”. Você tem um em cada pálpebra e a função dele é drenar as lágrimas até a cavidade nasal.

Ao chorar, pela quantidade de lágrimas, o ponto lacrimal não é capaz de drená-las por completo e por essa razão elas escorrem em nosso rosto.

Ou seja, não é por esse pontinho que as lágrimas são produzidas, mas sim por onde elas são drenadas. [Buzzfeed]

Comentários
Carregando...