Veja só como será o nosso mundo daqui alguns anos

A era digital em que vivemos é o momento de descobertas inovadoras em praticamente todas as áreas do conhecimento. Ou seja, o que ontem parecia surreal torna-se de fato obsoleto amanhã, já que o mundo muda tanto a ponto das expectativas para o futuro crescerem cada vez mais.

Teorias e mais teorias abundam sobre como será o nosso futuro, caso permaneçamos na mesma linha de desenvolvimento das novas tecnologias. Veja só como possivelmente será o nosso mundo daqui alguns anos:

Em 5 anos

Devido os problemas de poluição intensiva causados pela criação de gado, além de grandes quantidades de água, espaço e alimentos necessários para mantê-los, uma ampla produção de carne, leite e ovos com a ajuda de culturas de células é prevista como uma alternativa de diminuir o impacto ambiental.

7 anos

É possível que pela primeira vez cheguemos até Marte, iniciando uma lenta exploração e colonização do Planeta Vermelho.

30 anos

Com a velocidade atual do aquecimento global, os recifes de coral desaparecerão. Este será o primeiro ecossistema destruído pelo homem.

40 anos

Até 40% da energia pode ser produzida a partir de fontes renováveis, como o sol e o vento. É altamente possível que este fato nos ajude não só a resolver o problema da depleção de hidrocarbonetos, como também a preservar a natureza.

50 anos

A Terra chegará a 10 bilhões de habitantes, o que possivelmente resultará em grandes desastres caso mantenhamos o mesmo estilo de vida que temos nos dias de hoje.

100 anos

Até um terço das espécies conhecidas se extinguirão.

250 anos

Se o nível atual de consumo ainda for o mesmo, as reservas conhecidas de petróleo, gás e carvão serão esgotadas definitivamente. Seria melhor para o homem encontrar uma maneira de superar a dependência por hidrocarbonetos o quanto antes.

Mil anos

A nanotecnologia e a bioengenharia podem ajudar a abrandar o processo de envelhecimento. O corpo humano será aprimorado e as epidemias em massa podem deixar de existir.

3 mil anos

A humanidade aprenderá a usar a energia de todo o sistema estelar, direcionando a energia das estrelas e dos planetas para trabalhar em benefício da humanidade, caso não destruamos a nós mesmos.

25 – 50 mil anos

De acordo com várias teorias, a cada 50 mil anos a Terra passa por uma espécie de um “supervulcão”: ou seja, uma enorme erupção perigosa não só por causa da destruição em larga escala devido os movimentos tectônicos, mas também por grandes lançamentos de partículas de cinzas na atmosfera.

200 mil anos

Haverá uma nova era de gelo, uma vez que as emissões de dióxido de carbono cessarão na atmosfera. A geleira começará a avançar do norte, cobrindo a Europa, a Sibéria e uma parte do continente norte-americano.

5 milhões de anos

Os grandes mamíferos e muitas espécies de aves desaparecerão por completo. Eles serão substituídos por combinações raras de anfíbios terrestres e moluscos, muito melhor adaptados ao novo clima terrestre.

30 milhões de anos

Como resultado do movimento continental que acontece agora também e que é quase imperceptível, a África possivelmente se juntará à Eurásia. Os outros continentes seguirão seu caminho um em direção ao outro.

250 milhões de anos

Um supercontinente se formará na Terra. O mesmo que havia há muitos anos.

500 – 600 milhões de anos

O aumento constante da atividade solar fará as plantas deixem de existir em todo o território. Isso implicará em mudanças drásticas na atmosfera.

1,1 bilhão de anos

Devido à atividade do sol, a água do mar desaparecerá por toda a Terra.

5 bilhões de anos

Possivelmente tudo será assim:

Tudo pode mudar graças às revoluções tecnológicas e às novas invenções. No entanto, os resultados da atividade humana podem ser apagados por cataclismos e conflitos globais muito antes do esperado. Então, seria bom para nossos descendentes se instalarem em novos planetas habitáveis ​​em bilhões de anos. E felizmente, já temos uma gama de opções.

[Genial Guru]

Comentários
Carregando...