fbpx

Será que você conhece mesmo O Rei Leão? Esses 10 fatos podem surpreendê-lo

O filme Rei Leão, lançado na década de 90, provavelmente marcou a vida de muitas crianças que atualmente são adultas. O filme é bom retrato daquela época. Você acha que conhece toda história sobre ele? Continue lendo:

View this post on Instagram

Rise up. #TheLionKing opens in theatres Friday.

A post shared by Disney’s The Lion King (@lionking) on

1 – Foi durante a exibição de um filme menos conhecido da Disney com gatos, “Oliver & Company”, que o conceito de “O Rei Leão” foi inicialmente discutido em 1988.

2 – O filme de 1994 é o primeiro filme da Disney a não se basear em uma história existente, ao contrário de filmes como “A Pequena Sereia”, baseado em um conto de fadas de Hans Christian Andersen.

3 – Se a história de amadurecimento de simba parece familiar, é provável que tenha sido inspirada em parte por “Hamlet”. Na peça de Shakespeare, Hamlet (Simba), vinga o assassinato de seu pai (Mufasa) nas mãos de seu tio (Scar).

4 – Segundo a roteirista Irene Mecchi, a idéia do filme foi apresentada pela primeira vez a ela como ” Hamlet na África com Bambi , ou então Bamblet “. Imagine se o filme tivesse um nome desses?

5 – Em um conceito inicial, não havia música planejada para o filme, e tudo foi planejado como sendo mais um documentário animado sobre leões.

6 – Felizmente, a música acabou sendo incluída, já que o filme apresenta a música mais famosa da África, ‘The Lion Sleeps Tonight’. Gravada por Solomon Linda e os Evening Birds em 1939 sendo originalmente intitulada ‘Mbube’, que se traduz como “leão”.

7 – Inicialmente, diversos debates atingiram a animação ‘original’ com alegações que ela se assemelha a uma série de anime da televisão japonesa dos anos 60 chamada ‘Kimba the White Lion’. Ainda bem que nenhuma ação legal foi tomada.

8 – O filme quase teve um título oficial diferente – King of the Jungle (Rei da Floresta) – mas isso foi descartado porque os leões vivem na savana. Embora, o filme não siga todas as leis da natureza, pelo menos isso foi respeitado.

9 – Por exemplo, a coloração escura é um símbolo de boa saúde e boas qualidades de reprodução em leões machos, então o vilão Scar – que é muito mais escuro que Mufasa – seria considerado um líder natural.

10 – A paisagem africana foi realista, graças a uma viagem de pesquisa ao Quênia, que também inspirou os problemas de coloração e digestão de Pumba, o javali africano. Para obterem mais detalhes realistas dos animais, alguns leões foram trazidos para o estúdio de animação.

Embora as técnicas e as tecnologias tenham evoluído drasticamente nos 25 anos desde a animação clássica, todos os olhos estarão voltados para o remake que está nos cinemas. Temos muitas pegadas para descobrir.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.