Pular para o conteúdo

Ser alto no Japão pode ser um verdadeiro desafio, e essas fotos provam isso

Ser muito alto pode ser um problemão, dependendo do lugar onde você vive e os ambientes que precisa frequentar. Mas as coisas simplesmente vão para outro nível quando uma pessoa um pouco alta que a média decide viajar para o Japão.

Os japoneses, que vivem em um país muito populoso, com turistas do mundo inteiro e pessoas que tentam a vida no Japão em busca de melhores condições de trabalho, precisaram se adaptar e aprender a viver em lugares cada vez menores. Os apartamentos, por exemplo, não são tão grandes como os que estamos acostumados a encontrar no Brasil, e costumam ser um desafio até mesmo para as pessoas que nem são tão altas assim.

Confira, nessa lista, algumas fotos que mostram como ser alto no Japão pode ser desafiador:

1. Este homem chega a se destacar no meio da multidão.

https://www.instagram.com/p/Bba8mywDOZJ/

2. “Estou amando a minha primeira visita ao Japão”.

3. Bater a cabeça acaba sendo algo normal.

4. “Resumo da minha viagem ao Japão”.

5. “Cuidado com a cabeça”.

Pelo menos eles avisaram!

6. Cozinhar pode ser um problema e tanto.

7. Apenas um hotel comum no Japão.

8. “O Japão não foi feito para caras altos”.

9. “Eu tenho 1,93m e o desafio foi real”.

10. “Passei uma noite neste hostel no Japão, bati a cabeça na lâmpada oito vezes”.

11. Andar de trem também pode não ser assim tão simples.

12. Pobre rapaz.

https://www.instagram.com/p/BRLBmBolZsc/

13. Espero que, no final, tenham conseguido passar pela porta!

14. “Acabei de voltar de uma viagem ao Japão. Eu sabia que era alto, mas não fazia ideia de que era tão alto assim comparado com os japoneses”.

15. “Tentando me adaptar aqui no Japão”.

16. Acredite, ele está em um banheiro.

17. “Eu tive alguns encontros com o teto quando estive no Japão”.

18. “Alguém já esteve no Japão?”.

19. “Estou vivendo no Japão este mês. Todas as portas da minha casa são assim. Eu tenho apenas 1,87m”.

20. “Como é ser alto no Japão…”.

21. “Meu padrasto de 2 metros de altura veio me visitar no Japão essa semana”.