Se você possui algum desses hábitos, é melhor procurar um tratamento psicológico urgentemente

Segundo dados da OMS, quase 300 milhões de pessoas sofrem com a depressão no mundo. Esse número cresceu em 18% em apenas dez anos e estima-se que até 2020 será a doença mais incapacitante do mundo!

Apesar de haver ainda muito preconceito sobre transtornos de uma maneira geral, em que se diz “falta de Deus”, “frescura” ou “coisa da cabeça” da pessoa, existem mudanças drásticas no funcionamento não só do cérebro, mas do organismo como um todo, sendo necessário tratamento especializado o quanto antes, uma vez que a depressão altera os níveis de determinados neurotransmissores que regulam o humor e outras funções do organismo, dentre os quais estão a noradrenalina, serotonina e dopamina.

Uma vez que a depressão se caracteriza uma doença, com sintomas físicos, trouxemos a seguir alguns sintomas que vale a pena ficar alerta – se você possui algum desses hábitos, é melhor procurar um tratamento psicológico urgentemente:

5 – Você perdeu o interesse nas coisas que você anteriormente gostava?

@Pixabay

Todo mundo tem coisas que adora fazer: seja assistir um filme ou uma série, ver vídeos no Youtube, caminhar, conversar com os amigos, tocar um instrumento musical, etc.

Quando a depressão ataca, um dos sintomas é a perda de interesse pelas paixões que tínhamos. A pessoa acometida por esta doença não consegue mais ver um motivo para fazer as coisas que gostava antes.

4 – Você tem hábitos alimentares e o sono diferentes?

@Shutterstock

Um sinal de depressão e de ansiedade são os hábitos de sono diferenciados, em que a pessoa passa a dormir muito ou até mesmo pouco.

Dormir demais faz com que a pessoa escape mais dos problemas, de modo que a pessoa passa a se “cansar” com maior facilidade. Entretanto, o oposto também é verdadeiro: a pessoa pode ficar virando de um lado para o outro com ansiedade, sem conseguir dormir.

O mesmo é válido para os hábitos alimentares: ou a pessoa come muito ou come pouco, ou por sentirem extremo prazer na sensação que a comida pode proporcionar, apegando-se a isso como uma das únicas alegrias da vida, ou a pessoa pode perder totalmente o apetite.

O interessante é notar que ambas passam por mudanças nos hábitos alimentares.

3 – Você vive se questionando o porquê vive, se encontrando em grandes conflitos existenciais?

@Pixabay

As questões de vida e morte são muito frequentes para uma pessoa que sofre com a doença da depressão, já que uma pessoa acometida pelo problema é capaz de enxergar o mundo de maneira diferente.

Enxergar o mundo pela ótica da depressão pode ser muito perigoso: apesar de não serem todas as pessoas que possuem pensamentos suicidas ou vontade de causarem algum mal a si mesmas, o quadro pode rapidamente evoluir, o que torna a ajuda indispensável para que se saia dessa.

2 – Você se sente muito sensível?

@Wikimedia Commons

Ao ficar muito fechado e em contato com as próprias emoções, muitas pessoas ficam mais sensíveis, ou até mesmo artisticamente mais expressivas.

Entretanto, não se confunda: estar com depressão não fará de você um bom artista, pelo contrário: ela já levou muitos deles desse mundo. Por isso, busque ajuda!

1 – Você finge que está tudo bem?

@Pixabay

Se você sempre foge de si mesmo, responde para os outros e para si que “está tudo bem”, mesmo quando não está, tenha cuidado: esse é um sinal de depressão. Muitas pessoas inclusive procuram agir com bom humor, para convencer os outros e a si mesmas de que tudo está bem, a fim de não preocupar ninguém, quando não está tudo bem. Essas pessoas não querem ser um fardo para os outros. O luto e a tristeza são processos que precisam ser vivenciados e compreendidos e, quando uma pessoa não se dá esse momento, tudo se torna mais difícil.

Tanto é que, quando acontece um infortúnio, é muito comum ouvirmos “Nossa, mas ele/ela parecia ser uma pessoa tão alegre”. Às vezes essa alegria aparente é uma maneira de não preocupar as outras pessoas. Saiba que, se você faz isso, você não está sozinho e tudo pode melhorar com ajuda. Juntos somos mais fortes!

você pode gostar também
5 Comentários
  1. Hemoké Diz

    Todos vão ir embora um dia, a vida sim é vazia e chata e um loop infinito das mesmas coisas, seres humanos são desagradáveis, tudo aqui é pequeno, todos correm atrás do vento, n se engane ngm garante nada, estamos aqui vivendo sem nenhuma garantia !! Então viver ou morrer n faz diferença !! Milhões de pessoas morrem todos os dias e milhões nascem quem e vc não meio desse ciclo ? Nada ! É só um micróbio ! Insignificante ! Morre e acabou !! Tudo se vai com o tempo !! Até mama preocupação é rola !! Tudo aqui é uma futilidade ! Mundinho de merda que deveria se acabado a faz tempo ! Mas infelizmente vc nasce nesse e tem que aturar um monte de porcaria né vdd ?

    1. Nicolas Diz

      Caramba hein meu caro amigo de uns prováveis 10 anos, você realmente nunca viveu depressão para saber como é não querer continuar nessa bola infestada de loucos e pessoas insensíveis, incluindo você. Estude mais caro gafanhoto e não fale do que você não conhece.

  2. Alessandra Heinmleck Diz

    6- Você respira?

    Foi descoberto em um estudo de 2003 que 94% das pessoas que sofre de depressão respiraram gás oxigênio alguma vez na vida. Desde então, é atribuído esse sintoma a pessoas com uma grande chance de desenvolver problemas psicológicos, incluindo a Depressão.

    É importantíssimo cuidar da nossa saúde mental, então, por favor, se você ou alguém próximo respirar, consulte um médico imediatamente. É pelo bem de toda a nação.

    1. Sandra Diz

      Médico, psicólogo e para quem pode pagar estou esperando desde o começo do ano passado, e até agora nada ,tudo que foi dito em cima eu sinto e um pouco mais estou com síndrome do pânico também e mesmo assim tenho que trabalhar. O médico vive trocando de medicamentos e não faz efeito nenhum, se quero ficar sozinha no escuro eu fico, sem comer também, sem tomar banho e daí, se atravesso a rua ou avenida sem olhar não importa não faço falta a ninguém

  3. Anoni Mato Diz

    Ótima matéria, vi que tenho os 5 somados, kkkkk.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.