Se você ama cães, esses 6 fatos vão partir seu coração

Créditos da Foto: JessicaJohnson / Pixabay

1 – De acordo com uma publicação do MAPAA, que cita a Organização Mundial da Saúde, existiam 20 milhões de cães abandonados no Brasil em 2014. Como a própria publicação sugere, esse número já deve ter aumentado, tendo em vista o tempo que se passou desde a estimativa.

Créditos: IgorShubin/Pixabay
Créditos: IgorShubin/Pixabay

2 – Segundo a World Animal Protection, diversos governos ao redor do mundo ainda sacrificam animais domésticos (principalmente cães) pelo fato dos animais transmitirem doenças como a raiva.

Créditos da Foto: Por Vmenkov - Obra do próprio, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=10112160
Créditos da Foto: Por Vmenkov – Obra do próprio, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=10112160

3 – Anualmente, a cidade chinesa de Yulin realiza o Festival da Carne de Cachorro, onde é possível observar cenas chocantes para a nossa cultura, onde cães são armazenados em gaiolas superlotadas até que sejam sacrificados para servirem como ingrediente principal na culinária do evento.

Prato preparado com carne de cachorro na China / Créditos da Foto: By No machine-readable author provided. ByeByeBaby~commonswiki assumed (based on copyright claims). - No machine-readable source provided. Own work assumed (based on copyright claims)., CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=649236
Prato preparado com carne de cachorro na China / Créditos da Foto: By No machine-readable author provided. ByeByeBaby~commonswiki assumed (based on copyright claims). – No machine-readable source provided. Own work assumed (based on copyright claims)., CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=649236

4 – É difícil encontrar estatísticas que quantifiquem as denúncias por maus-tratos a animais em todo o país, mas apenas no Distrito Federal foram registradas 90 denúncias no ano de 2013.

Créditos da Foto: JessicaJohnson / Pixabay
Créditos da Foto: JessicaJohnson / Pixabay

5 – Além da dificuldade de encontrar um novo lar, cães adotados enfrentam um problema igualmente complicado: a ‘devolução’. Uma reportagem do G1 traz informações da ONG Proteger, que informa que a cada 20 cães e gatos adotados, cinco retornam para os lares em seguida por ‘desistência” de parte de quem adota.

6 – O mercado canino pode ser extremamente nefasto para os animais, já que as condições enfrentadas por eles muitas vezes estão longe do que seria ideal. Para gerar cães “de raça”, muitas vezes criadores cruzam os cães entre irmãos, ou até mesmo pais e filhos, mantendo a “beleza” genética dos animais, mas também gerando problemas genéticos que podem comprometer a saúde deles. Os cães de raça são muito mais propensos a desenvolverem problemas de saúde por conta da falta de variação genética. Por isso, escolher e comprar um cãozinho “bonitinho” pode significar financiar uma indústria que na verdade causa diversos problemas para os cães.

 

Comentários
Carregando...