Pular para o conteúdo
Por que os EUA chamam o futebol de "soccer"?

Por que os EUA chamam o futebol de “soccer”?

Embora chamar o esporte mais popular do mundo de “soccer” seja normalmente descrito como um símbolo da ignorância norte-americana, a razão pela qual eles não de “football” como o resto do mundo é culpa da Grã-Bretanha.

A palavra “futebol” é uma invenção britânica que os ingleses pararam de usar apenas cerca de 40 anos atrás, de acordo com um artigo de 2014 do professor Stefan Szymanski, da Universidade de Michigan.

A palavra “soccer” vem do uso do termo “futebol de associação” na Grã-Bretanha, e remonta a 200 anos.

No início dos anos 1800, várias universidades britânicas pegaram o “football” – um jogo medieval – e começaram a jogar suas próprias versões, todas sob regras diferentes. Para padronizar as coisas em todo o país, esses jogos foram categorizados em diferentes organizações com nomes diferentes.

Uma variante do jogo onde se jogava com as mãos tornou-se “rugby football”. Outra variante passou a ser conhecida como “futebol de associação” depois que a Football Association foi formada para promover o jogo em 1863, 15 anos depois que as regras foram feitas em Cambridge.

“Futebol de rugby” tornou-se “rugby” para abreviar. “Futebol de associação” tornou-se “football”.

Depois que esses dois esportes se espalharam pelo Atlântico, os americanos inventaram sua própria variante do jogo, que eles chamavam simplesmente de “football” no início dos anos 1900.

O “futebol de associação” tornou-se “soccer” na América, e o que era chamado de “gridiron” na Grã-Bretanha tornou-se simplesmente “futebol” nos EUA.

No caso dos britânicos, os inventores da palavra, eles pararam de usá-la em meados dos anos 1980 e começaram a se referir à modalidade como “football”, assim como no resto do mundo.

Os EUA poderiam ceder ao resto do mundo e trocar as nomenclaturas? Poderia. Eles vão? Provavelmente nunca. E a confusão segue.