Notícias e artigos sobre ciência, incluindo espaço, biologia, arqueologia, e muito mais.

Poluição atmosférica está tão forte na China que mal se pode ver seus arranha-céus

A China vem sofrendo com intensos níveis de poluição do ar. Desde quarta-feira, Pequim está sob “alerta vermelho” para poluição atmosférica – o mais elevado dos quatro níveis de alerta – e um “alerta amarelo” para nevoeiro. Outras áreas, particularmente no norte do país, foram fechadas sob alerta vermelho tanto para nevoeiro quanto para poluição.

Esta foto mostra o quão elevado está o nível de fumaça, envolvendo tanto a capital que apenas os topos do edifícios podem ser vistos.

Mistérios do Mundo

A elevada poluição já se arrasta por várias semanas, causando atrasos em voos e proibição de circulação. Temperaturas mais frias significam mais queima de carvão nas casas, o que agrava ainda mais o problema.

Carvão, fuligem e poeira contém um material chamado PM2.5. As partículas deste material são pequenas, o que facilita sua fixação ao pulmões, levando à condições como asma e doenças pulmonares crônicas.

Desde quarta-feira, a concentração de PM2,5 em Pequim está em 186 ug/m3 – sete vezes a mais do que é consideram saudável. Confira o vídeo que mostra a nuvem de fumaça no domingo. Espera-se que a poluição diminua até o final da semana.

Comentários
Carregando...