15 fatos sobre o bizarro caso de Phineas Gage

Phineas Gage, apesar do incidente da haste de ferro, era um homem comum: tinha um emprego, uma família e amigos. Ele tentou voltar à vida que tinha antes do incidente. Depois que se recuperou, só viveu por mais alguns anos antes de morrer de uma doença convulsiva, mas sua história ficou tão conhecida ao ponto que, até hoje, ainda falamos sobre ele.

O caso de Phineas Cage foi o primeiro em demonstrar que podemos dizer definitivamente que uma lesão no cérebro pode produzir algum tipo de mudança na personalidade.

Aqui estão quinze coisas que você precisa saber sobre Phineas Gage: seus primeiros dias, as consequências de sua morte e seu legado.

15. Phineas Gage era, provavelmente, mais jovem do que você imagina

Mistérios do Mundo

Ele tinha apenas 25 anos quando o acidente aconteceu.

14. 13 de setembro de 1848 – o dia em que a haste de ferro atravessou seu crânio

Mistérios do Mundo

Aconteceu enquanto ele trabalhava, em um dia comum. Depois de uma explosão, uma haste de ferro perfurou sua bochecha esquerda, passou por trás de sua órbita e saiu pelo topo da cabeça. O pedaço de ferro basicamente destruiu o lobo frontal esquerdo do cérebro.

13. O ferro pesava 13 quilos

Mistérios do Mundo

12. Ele continuou andando e falando por alguns minutos depois do acidente

Mistérios do Mundo

11. O médico pôde ver seu cérebro caindo

Mistérios do Mundo

O ferro passou por baixo do osso zigomático, por trás dos olhos, destruiu um dos dentes molares superiores e passou pela parte inferior do seu lobo frontal esquerdo. Depois de conseguir caminhar por 25 metros, ele caiu no chão, e as pessoas que o ajudaram disseram que podiam sentir a substância que descendia pela haste.

10. Uma ferida infectada, estado semicomatoso e recuperação completa

Mistérios do Mundo

Infelizmente, o fato ocorreu ainda em 1848, e, apesar dos esforços médicos, a ferida de Gage ficou infectada. Essa infecção o levou a cair em um estado semicomatoso dentro de alguns dias. Sua família temia o pior. Contra todas as probabilidades, porém, Gage sobreviveu, e em janeiro de 1849, ele estava completamente recuperado. Para a maioria das pessoas, o que aconteceu com ele teria sido o fim da história, mas não foi para Phineas Gage.

9. Alterações extremas na personalidade – ele sobreviveu, mas ele “não era mais o Phineas Cage”

Mistérios do Mundo

Ele se tornou miserável, irreverente, profano (o que não era seu costume), impaciente e manifestava pouca satisfação em estar com seus companheiros.

8. Tudo o que os médicos podiam fazer era esperar e assistir as mudanças

Mistérios do Mundo

O caso de Gage ajudou os médicos e os cientistas a entenderem como o cérebro está organizado. Afinal, se mudanças de personalidade acontecem quando a parte frontal esquerda do cérebro está danificada, onde outras funções estão localizadas no cérebro? É por isso que ele foi tão importante para o estudo da neurologia.

7. Podemos ainda hoje visitar seu crânio

Mistérios do Mundo

Hoje em dia se encontra no Museu de Anatomia de Warren, em Boston, nos EUA.

6. Ele tinha “fungos” na cabeça

Mistérios do Mundo

Parece razoável que uma lesão tão sangrenta e séria quanto a de Gage seja suscetível a uma infecção, especialmente no século XIX. Não sabemos que infecção ele contraiu que o conduziu a um estado de inconsciência, mas sabemos que foi descrito como um “fungo”.

5. Ele perdeu a visão

Mistérios do Mundo

Uma lesão como essa acabaria com os nervos no rosto de uma pessoa, e Gage não foi exceção. O tecido dentro do nariz precisou ser perfurado para que a ferida pudesse ser drenada, e ele acabou perdendo a visão do olho esquerdo.

4. Ele guardou a haste e posou para foto com ela

Mistérios do Mundo

3. Ele fez um tour pelos EUA

Mistérios do Mundo

Depois do acidente, Gage voltou a trabalhar. Ele se estabilizou em Nova Hampshire por um tempo, e trabalhou até mesmo como motorista de longa distância no Chile. Ele viveu na Califórnia em 1859. Além disso também viveu na Nova Inglaterra e trabalhou em um museu de Nova York.

2. Sua personalidade voltou ao normal antes de morrer

Mistérios do Mundo

Depois que ele chegou na Califórnia, após ter vivido no Chile, sua saúde começou a se deteriorar. Começou a ter muita tontura e por fim, convulsões. Diz-se que sua personalidade voltou ao normal antes de morrer, porém, embora saibamos muito sobre ele agora, é impossível analisar os verdadeiros eventos da vida de Gage sem entrar em contato com todos os mitos que rodeiam sua história.

1. Seu médico manteve seu crânio

Mistérios do Mundo

Depois que morreu, seu crânio se tornou propriedade de John Barlow, o doutor que acompanhou seu caso. Mais tarde, ele acabou doando o crânio à universidade de Harvard. Atualmente, ele se encontra no Museu de Anatomia de Warren, em Boston – como já dito acima.

Veja também: Mais do autor

Comentários

Carregando...