Notícias e artigos sobre ciência, incluindo espaço, biologia, arqueologia, e muito mais.

Pequim baniu os carros por 2 semanas e o céu ficou completamente azul. Adivinha o que aconteceu no dia seguinte?

A China marcou o 70º aniversário de sua vitória na Segunda Guerra Mundial da única forma possível: um desfile extremamente grande.

Em 03 de setembro de 2015, o dia da vitória começou com um desfile militar maciço por Pequim.

A celebração incluiu 12.000 tropas em 50 formações militares diferentes, juntamente com centenas de aviões de combate. Veteranos e soldados que variavam de 20 a 102 anos de idade participaram.

Um desfile deste tamanho leva meses, às vezes até anos, de preparação.

E no caso do desfile do Dia da Vitória de Pequim, inúmeras restrições foram postas em prática levando até as festividades. Centenas de fábricas foram fechadas, e metade dos 5 milhões de carros registrados na cidade foram proibidos de conduzir no centro urbano principal.

Diga o que quiser sobre gastar recursos do governo em uma festa gigante, mas, neste caso, definitivamente valeu a pena.

No dia do desfile, a qualidade do ar na cidade de Pequim melhorou dramaticamente.

Um dia comum em Pequim atinge 160 no Índice de Poluição do Ar(de 500), o que significa que efeitos adversos à saúde acontecem para absolutamente todos (por comparação, um dia comum nas piores cidades dos EUA atinge em média 125). Mas no dia do desfile, ele caiu para 17.

No dia após o desfile, os carros foram autorizados a regressar às ruas – e o índice de poluição do ar em partes da cidade retornou imediatamente para 160.

Quer ver a diferença? Veja como Pequim estava em junho:

Aqui está Pequim durante o desfile do Dia da Vitória em setembro:

E aqui está Pequim menos de uma semana mais tarde.

O céu voltou a ficar sombrio, mas o futuro não tem que ser assim. O que aconteceu antes do desfile do Dia da Vitória mostra que uma mudança ainda é possível.

O que aconteceu em Pequim nos mostra que facilmente podemos mudar essa desagradável situação.

Comentários
Carregando...