Os “prédios perdidos” de Londres, por Thom And Beth Atkinson

7 de setembro de 1940 é uma data significativa na história de Londres. Nesta tarde de sábado, centenas de bombardeiros alemães sobrevoaram Londres, e durante 57 noites consecutivas, foi desencadeado uma onda de terror quando eles lançaram um dos maiores ataques aéreos contra a cidade, o que veio a ser conhecido como a “Blitz”.

O objetivo da Blitz era destruir Londres, e com ele a moral do inimigo e forçá-los a se render. Embora que o bombardeio não tenha conseguido quebrar o espírito do povo britânico, um milhão de edifícios e casas na cidade foram reduzidas a cinzas. Demorou algumas décadas para a cidade ser reconstruída, mas os vestígios da guerra ainda são visíveis por toda a cidade se você souber onde olhar e o que procurar. Os irmãos britânicos Thom e Beth Atkinson são fotógrafos que sabem onde encontrá-los.

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Durante um período de seis anos, os irmãos Atkinson andaram por toda a cidade à procura de sinais indicadores destas cicatrizes que aparecem às vezes como pontos vagos inexplicáveis, e às vezes como contornos fantasmagóricos de edifícios, que uma vez estavam lá nos muros de propriedades vizinhas. Estas fotografias foram reunidas em um livro de fotos lançado recentemente chamado “Missing Buildings”.

A dupla identificou esses vestígios simplesmente andando pelas ruas e olhando ao redor, em vez de confiar nesta pesquisa histórica.

“Tomamos uma decisão desde o início que só iríamos pesquisar este assunto depois de tirar algumas fotografias. Estávamos à procura de imagens que ressonavam e se destacavam, ao invés de sistematicamente tirar fotos de locais históricos ” disseram os irmãos para a Photos Magazine.

“Algumas de nossas primeiras fotografias eram de edifícios abandonados, e que hoje, são apenas aparições estranhas do que tinha acontecido ou o que tinha estado lá. Descobrimos que a maioria das vezes nossos instintos estavam certos e eles eram locais de bombardeios.”

“Estamos agora neste ponto da história em que as pessoas que estavam lá para testemunhar isso não estarão mais aqui por muito mais tempo” Thom expliclou para a revista Dezeen. “Este é um ponto realmente crucial na história em que ela vira mitologia, porque já não temos mais relatos de testemunhas oculares”.

“Alguns dos lugares que tinham sido fotografados desapareceram um ano mais tarde porque foram arquivados, então há esse paradoxo muito estranho”, disse ele.

“É um caso que virou de cabeça para baixo. Não estamos perdendo fisicamente qualquer coisa porque não tem nada lá desde a guerra; estamos ganhando alguma coisa, mas mesmo assim, estes edifícios desapareceram pela segunda vez”.

 

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Os "prédios perdidos" de Londres, por Thom And Beth Atkinson

Comentários
Carregando...