O que aconteceria se todas as pessoas do mundo pulassem ao mesmo tempo?

Há aproximadamente 7 bilhões de pessoas na Terra, com um peso total de aproximadamente 363 bilhões de quilos. E se todos nós pulássemos de uma vez?

Como as pessoas estão espalhadas mais ou menos igualmente ao redor da superfície esférica do planeta, se todos nós saltássemos, nada aconteceria – todos os nossos deslocamentos e impactos se anulariam, resultando em uma força líquida zero na Terra, de acordo com o trabalho do físico Rhett Allain.

O que aconteceria se todas as pessoas do mundo pulassem ao mesmo tempo?
Shutterstock

Então vamos imaginar que todos fossem reunidos em um só lugar, afinal de contas, fazer isso provavelmente também tornaria mais fácil sincronizar nosso salto.

Usando as leis de conservação do momento e da energia, Allain, um físico da Universidade do Sudeste da Louisiana e blogueiro da Dot Physics, calculou o que aconteceria com a Terra nessas circunstâncias. Para simplificar, ele assumiu que um humano comum poderia pular 30 cm de altura e que todos estaríamos saltando exatamente do mesmo ponto.

Allain descobriu que o nosso salto empurraria a Terra levemente, dando-lhe uma velocidade de recuo de 2,6 x 10 ^ -13 m / s. Ou seja, em um segundo, a Terra moveria cerca de um centésimo do raio de um único átomo de hidrogênio.

Não é tanto, mas o recuo infinitesimalmente pequeno duraria para sempre? Teríamos mudado permanentemente o curso da Terra? Allain diz que não.

“Depois que todas as pessoas saltam, elas “caem” de volta para baixo – se movem em direção à Terra. Durante este tempo, a Terra se moveria de volta. Tudo seria como antes”, disse ele.

A situação é muito parecida com dois objetos de massas muito diferentes conectados por uma mola. Se você separar as massas e depois soltar, a força da mola puxa-as de volta. A massa menor se move muito mais do que a massa maior, mas ambos se movem. A Terra e as pessoas são muito parecidas com essas duas massas, explicou Allain. [LiveScience]

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.