A bizarra história de Mike, o frango que sobreviveu 18 meses sem cabeça

Alerta de spoiler: não podiam alimentá-lo pela boca.

Seguramente você pensou que ia abrir o artigo e descobrir que Mike é na verdade um robô e que tudo isso era uma grande brincadeira, mas não. Mike era um frango como qualquer outro, que ia ter o mesmo destino da maioria dos frangos, mas que a vida lhe deu um futuro diferente.

Todos nós amamos os animais, nos preocupamos em levá-los ao veterinário quando estão doentes, nos encarregamos da missão de mantê-los alimentados quando saímos de férias e rimos deles quando se comportam de forma ridícula. Mas com esse frango foi tudo muito diferente.

Em 10 de setembro de 1945, Lloyd Oslen teve que matar um frango para o jantar: deveria decapitá-lo e levá-lo a sua esposa para que ela o limpasse… Como já havia feito diversas vezes.

Escolheu Mike porque estava gordinho e queria impressionar sua sogra. Lamentavelmente, falhou e não decapitou o frango direito.

Lloyd não chegou a cortar a veia jugular e nem cortou todo o tronco cerebral, e por isso o animal continuou se mexendo não só por uns minutos, mas sim por 18 meses.

BBC

A verdade é que por Lloyd, Mike teria morrido, mas sua esposa considerou sua sobrevivência um milagre e decidiram mantê-lo vivo. Todos os dias o alimentavam diretamente pelo esôfago e limpavam as secreções do pescoço com uma seringa. 

Até que um dia, durante uma viagem, a família se esqueceu das ferramentas e a comida de Mike, o que o levou a morte rapidamente.

LIFE

E essa é a história de Mike, o frango que viveu sem cabeça por 18 meses. [BBC]

Veja também: Mais do autor

Comentários

Carregando...