Mulher diagnosticada com câncer em estágio 4 aos 22 anos revela o sintoma silencioso a ser observado

por Lucas Rabello
0 comentário 466 visualizações

Mariena Browning, uma jovem de Pocatello, Idaho, EUA, foi diagnosticada com melanoma em estágio 4 aos 22 anos. O melanoma é um câncer de pele que geralmente se manifesta por novos sinais ou mudanças em pintas existentes, mas o caso de Mariena foi diferente. Nenhuma mudança de pinta para ela. Em vez disso, ela encontrou um nódulo na virilha, que acabou sendo maligno.

Mariena não era a candidata típica para melanoma. Ela não tinha histórico familiar, não fumava e não era viciada em camas de bronzeamento. Apesar disso, ela recebeu um diagnóstico de risco de vida. O nódulo na virilha indicava um câncer em estágio 4, o que significava que já havia começado a se espalhar. O câncer de pele em estágio inicial geralmente é tratável, mas a falta de sintomas comuns no caso de Mariena fez com que seu diagnóstico viesse tarde, levando a tratamentos agressivos.

Mulher diagnosticada com câncer em estágio 4 aos 22 anos revela o sintoma silencioso a ser observado

Ela passou por uma série de tratamentos tão desagradáveis quanto parecem. Quimioterapia, radioterapia, e por aí vai. Seus tratamentos incluíram um regime de esteroides que a deixou super irritada e faminta. A radioterapia, que ela descreveu como “claustrofóbica”, foi necessária após o câncer se espalhar para o cérebro. E não vamos esquecer os problemas no fígado que deixaram seus olhos amarelos devido à icterícia, segundo o Self Magazine.

A história de Mariena é um lembrete alto e claro de que o câncer não segue sempre o manual. Sua experiência a tornou uma defensora feroz da segurança ao sol, do uso de protetor solar e de check-ups regulares de pele. “Agora que eu sei como o melanoma e seu tratamento podem ser intensos e ruins, sou uma grande defensora da segurança ao sol,” disse ela à revista Self.

Já se passaram seis anos desde seu diagnóstico inicial, e Mariena fez uma recuperação incrível. Ela parou o tratamento em 2021 e desde então abraçou um novo capítulo em sua vida. Agora, ela é mãe e usa sua jornada para espalhar conscientização sobre o melanoma. No Instagram, ela compartilha sua história para inspirar e educar os outros, enfatizando a importância de se manter vigilante mesmo quando você acha que não está em risco.

Mulher diagnosticada com câncer em estágio 4 aos 22 anos revela o sintoma silencioso a ser observado

O caso de Mariena é raro, mas não único. O melanoma às vezes pode aparecer sem os suspeitos habituais – aquelas pintas incômodas. Então, qual é a lição? Não espere pelos sinais óbvios. Check-ups regulares com um dermatologista são cruciais, mesmo se você acha que não está em risco. E nunca subestime o poder do protetor solar. É sua melhor defesa contra o câncer de pele.

Nas palavras de Mariena, apesar dos tratamentos difíceis e da montanha-russa emocional, ela encontrou uma maneira de se manter positiva. O conselho de seu avô, “continue sorrindo, mesmo quando parece que a vida não é justa,” tornou-se seu mantra. É um lembrete de que, mesmo nos tempos mais sombrios, há esperança e chance de recuperação.

Inscreva-se no canal Mistérios do Mundo no YouTube

Deixar um comentário

* Ao utilizar este formulário você concorda com o armazenamento e tratamento de seus dados por este site.

Mistérios do Mundo 2024 © Todos os direitos reservados