Homens também têm anorexia: essas imagens de antes e depois deixam qualquer um incrédulo

Distúrbios alimentares, como a anorexia a título de exemplo, sem dúvida podem afetar qualquer pessoa, independentemente de suas crenças, histórico familiar ou sexo. Afinal, as pessoas não escolhem suas doenças e, quando se trata da anorexia, ainda há uma visão estrita de que é um distúrbio decorrente da infelicidade de uma garota – preferencialmente rica e que já tenha passado por vários procedimentos estéticos – com relação ao seu corpo.

Mas isso não é verdade: homens também podem ter a doença e nada tem a ver com insatisfação com seus próprios corpos, apesar de haver muita gente que acredita que homens não podem ter anorexia.

Assim sendo, Andrew G. postou suas fotos de comparação antes e depois de si mesmo quando ele estava anoréxico e como ele ficou depois de conquistar uma condição saudável, começando a parecer um super-herói atlético.

 A reação da internet foi incrivelmente favorável e Andrew foi uma inspiração para muitas pessoas que estavam lidando com anorexia.

No entanto, quando a história chegou ao Tumblr, alguns internautas sentiram a necessidade de zombar de Andrew, como um “homem que sofre de anorexia”. Veja a seguir:

Andrew venceu a anorexia e mostrou seu progresso ao mundo, inspirando muitas pessoas:

@Reddit/andrewg06

Ele realmente ficou orgulhoso do progresso que conseguiu.

@Reddit/andrewg06

 No entanto, um debate se iniciou na internet e esses foram alguns dos comentários:

Alguns pesquisadores da área afirmaram que a anorexia não é apenas um distúrbio mental, mas também possui um componente genético associado.

A título de exemplo, um estudo liderado por pesquisadores do King’s College London e da Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill indicou que as taxas de recuperação da anorexia podem ser baixas porque é em parte um distúrbio metabólico. Em outras palavras, o processo não é todo mental.

A anorexia nervosa leva o indivíduo a um peso corporal perigosamente baixo, uma imagem corporal distorcida e um grande medo de ganhar peso.

Essa condição tem a maior taxa de mortalidade de qualquer doença psiquiátrica, afetando 1 a 2 por cento das mulheres, bem como 0,2 a 0,4 por cento dos homens.

Os pesquisadores usaram dados coletados pela Iniciativa Genética da Anorexia Nervosa e pelo Grupo de Trabalho sobre Distúrbios Alimentares do Consórcio de Genômica Psiquiátrica. Eles analisaram dados de 16.992 casos de anorexia e 55.525 controles, todos de 17 países diferentes.

Segundo os pesquisadores, a anorexia é em parte metabólica e em parte um distúrbio psiquiátrico que tem semelhanças com o TOC, depressão, ansiedade e esquizofrenia.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.