Pular para o conteúdo
Homem de 59 anos deixou a família para viver como uma menina transgênero de 6 anos

Homem de 59 anos deixou a família para viver como uma menina transgênero de 6 anos: “É um novo começo”

  • por
  • Bizarro

Os 7 filhos e a esposa de Stefonknee não aceitaram bem o fato de o pai da família ser uma mulher transgênero, então o expulsaram de casa. Depois de muito tempo se escondendo e sofrendo, agora ela finalmente está feliz vivendo com um casal que a “adotou”, tornando-se assim seus novos pais.

Paul era um canadense comum, casado e pai de sete filhos. No entanto, ela nunca se sentiu realmente confortável com seu corpo, então aos 46 anos ela tomou a decisão mais importante de sua vida: se assumir como uma mulher transgênero.

Mas sua luta não era apenas para mudar de gênero, mas também para mudar sua idade, já que Stefonknee Wolscht (seu novo nome) não se sentia adulta… e sim uma menina de 6 anos . Foi através de uma entrevista ao The Daily Xtra que a mulher revelou como tudo tem sido complicado desde que exteriorizou quem sempre foi por dentro.

Homem de 59 anos deixou a família para viver como uma menina transgênero de 6 anos

The Daily Xtra

De acordo com Wolscht, ela percebeu que era transgênero aos seis anos porque geralmente sentia “ciúmes” de garotas que podiam usar vestidos quando quisessem, mas ela nunca disse nada sobre o assunto até se casar com Maria.

Foi com ela que conseguiu se abrir um pouco mais e mostrar o grande amor que tinha por roupas femininas. Enquanto sua então esposa ficou inicialmente chocada, mais tarde ela apoiou e até comprou uma roupa para usar sempre que ela quisesse.

Homem de 59 anos deixou a família para viver como uma menina transgênero de 6 anos

The Daily Xtra

Depois disso ela começou a frequentar vários workshops para pessoas trans em Toronto, foi aí que ela realmente entendeu quem ela era. Então ela reuniu a família e disse que era mulher, mas eles não aceitaram muito bem. Sua esposa até lhe deu um ultimato dizendo-lhe para “ou pare de ser trans ou saia de casa”.

“Para mim, ‘parar de ser trans’ não é algo que eu possa fazer . Seria como me dizer para parar de ter 1,88 metros ou ir embora”, disse ela, então simplesmente teve que se mudar para outra cidade para viver como mulher, onde iniciou a terapia de reposição hormonal.

Homem de 59 anos deixou a família para viver como uma menina transgênero de 6 anos

The Daily Xtra

Mas por isso ela perdeu todos os clientes de seu trabalho como mecânica e rapidamente ficou sem dinheiro, pelo que foi forçada a dormir por meses em um abrigo para sem -teto. Todo esse processo foi “a coisa mais difícil que já teve que fazer”.

Felizmente, tudo começou a melhorar quando ela foi “adotada” por uma família, onde agora tem novos pais, se veste como a menina de sempre e passa o tempo brincando com a neta do casal. Todos a aceitam como ela é.

Homem de 59 anos deixou a família para viver como uma menina transgênero de 6 anos

The Daily Xtra

“Não posso negar que fui casada. Não posso negar que tenho filhos. Mas eu segui em frente agora e sou uma garota novamente. Eu não quero ser um adulto agora. É um novo começo. Temos uma quase-família que estamos criando. E eu posso ser exatamente quem eu sou.”, concluiu.