Isolaram a voz de Freddie Mercury nas músicas do Queen e o resultado foi surpreendente

Indiscutivelmente, Freddie Mercury foi uma das maiores – e melhores – vozes da música já existentes. O icônico vocalista do Queen fazia performances marcantes e inesquecíveis à todos que tiveram a oportunidade de vê-lo em ação.

Sempre aos vocais e piano do grupo britânico também composto por Roger Taylor (bateria), John Deacon (baixo) e Brian May (guitarra), Mercury se destacava pela sua incomparável amplitude vocal. Ao longo da sua carreira, o Queen vendeu mais de 300 milhões de discos ao redor do mundo e emplacou inúmeras canções em diversos países, como Bohemian Rhapsody (considerada uma das melhores músicas da história), We Are The Champions, We Will Rock You, Love of My Life, Radio Gaga, Somebody to Love, Barcelona, Don’t Stop Me Now e I Want to Break Free. Tudo isso em uma consideravelmente curta carreira – de 1971 a 1991, ano do falecimento de Mercury, aos 45 anos, vítima de uma broncopneumonia agravada pelo vírus do HIV. Recentemente, Taylor e May retornaram às atividades, com o jovem Adam Lambert nos vocais.

Como legado de seu incomparável talento que nos deixou prematuramente, Freddie deixou uma legião de fãs ao redor do planeta. Para provar a genialidade deste artista que deixou sua marca na música mundial, separamos algumas gravações onde a sua voz está isolada do restante da banda.

We Are the Champions

Bohemian Rhapsody

Somebody to Love

Don’t Stop me Now

Love of my Life

Under Pressure (com Davie Bowie)

The Show Must Go On

 

Comentários
Carregando...