Início » Animais » Família cria ‘cão’ de mais de 100 quilos por 2 anos – até perceber que era um urso

Família cria ‘cão’ de mais de 100 quilos por 2 anos – até perceber que era um urso

Lucas R.

Publicado em

Família cria 'cão' de mais de 100 quilos por 2 anos - até perceber que era um urso
Família na China adota filhote de cachorro, mas descobre que é um urso após dois anos. Descubra essa história bizarra.

Uma família em uma área remota da China fez uma descoberta surpreendente depois de pensar que havia adotado um cachorro, apenas para descobrir dois anos depois que na verdade era um urso.

Su Yun, que morava em um vilarejo perto de Kunming, na província de Yunnan, comprou o que pensava ser um filhote de mastim tibetano em 2016.

Um mastim tibetano é um cão grande com uma pelagem espessa que pode pesar até 150 libras.
Um mastim tibetano é um cão grande com uma pelagem espessa que pode pesar até 68 quilos | Imagem ilustrativa

Os mastins tibetanos são cães grandes com pelagem espessa preta e marrom e podem pesar até 68 quilos. No entanto, o novo animal de estimação de Su logo demonstrou um apetite insaciável, comendo uma caixa de frutas e dois baldes de macarrão diariamente.

Depois de dois anos, o animal havia crescido para impressionantes 110 quilos e caminhava sobre duas pernas, deixando Su perplexo e alarmado. Quanto mais o animal crescia, mais se parecia com um urso.

Su, que admitiu ter medo de ursos, contatou as autoridades, que identificaram o suposto cachorro como um urso preto asiático, uma espécie vulnerável.

Família cria 'cão' de mais de 100 quilos por 2 anos - até perceber que era um urso
Reprodução

Os ursos negros asiáticos, também conhecidos como ursos do Himalaia ou ursos da lua, podem pesar até 180 quilos. O urso, que vivia na casa de Su, teve que ser tranquilizado antes de ser levado para o Yunnan Wildlife Rescue porque a equipe estava com muito medo de interagir com o animal enquanto ele estava totalmente alerta.

https://www.youaatube.com/watch?v=WICAeURfv3s

Um vídeo feito por um meio de comunicação chinês mostrava o urso com uma pelagem preta brilhante e uma marca branca no peito, que é a marca registrada da espécie, comendo uma laranja dentro de uma gaiola. As autoridades relataram na época que o urso estava vivendo uma vida saudável em sua nova casa.

Photo of author
Editor-chefe do portal Mistérios do Mundo desde 2011. Adoro viajar, curtir uma boa música e leitura. Ganhou o prêmio influenciador digital na categoria curiosidades.