“É devastador”: Catar proíbe venda de cerveja em estádios e torcedores já reclamam

A decisão foi tomada pela família real do país, que pressionou diretamente a Fifa. Isso os coloca em um grande impasse com a Budweiser, empresa com a qual eles ainda têm um contrato de 75 milhões de dólares.

O Catar, país escolhido este ano para sediar a Copa do Mundo da FIFA, é uma nação com leis muito rígidas em relação ao consumo de álcool, por isso era de se esperar que eles relaxassem um pouco suas leis enquanto acontecia esse grande evento esportivo.

Porém, após longas conversas, foi revelado que o governo local proibiu totalmente a venda de cerveja nos estádios e que dentro deles serão vendidas apenas bebidas não alcoólicas, conforme noticiado pelo The New York Times.

FIFA Catar

Tudo isso depois que a família real do país pressionou diretamente a FIFA, o que os colocou em uma grande enrascada com seus patrocinadores. Principalmente com a Budweiser, conhecida cervejaria com a qual ainda tem um contrato de 75 milhões de dólares, que agora ficará muito prejudicada por não conseguir vender seus produtos.

“Após discussões entre as autoridades do país-sede e a FIFA, foi tomada a decisão de concentrar a venda de bebidas alcoólicas no FIFA Fan Festival, outros destinos de torcedores e locais autorizados, removendo os pontos de venda de cerveja dos perímetros dos Estádios da Copa do Mundo no Catar.”, Fifa via Twitter.

“As autoridades do país-sede e a FIFA continuarão garantindo que os estádios e arredores proporcionem uma experiência agradável, respeitosa e divertida para todos os torcedores” , afirmaram, agradecendo também a compreensão dos organizadores do torneio .

Eles também observaram que esta decisão não teria impacto na venda da “Bud Zero”, a cerveja sem álcool da Budweiser, uma vez que ela permanecerá disponível em todos os estádios da Copa do Mundo do Catar.

Os torcedores já começaram a comentar a situação, deixando mensagens como: “Estou arrasada, não faz sentido”, “Qual o problema de tomar cerveja no jogo?”, “Futebol sem cerveja não é futebol ” e “Como eles podem proibir a cerveja em estádios? É ridículo”.

Acresce que a Budweiser “poderia exigir uma indenização milionária do torneio, não obtendo a visibilidade necessária e não podendo vender os seus produtos nos estádios”, segundo noticiou o Infobae.

buy metformin metformin online