Dono descobre que urso suborna o seu cachorro com ossos de veado para ganhar acesso à lixeira

Todos sabemos que todas as pessoas possuem um preço por suas ações – o importante é descobrir qual é esse preço. E, aparentemente, para o cão de guarda de um homem, seu preço era alguns ossos de veado. Em um tweet que viralizou, JesseNeon compartilhou com a internet que, o animal que deveria ser o melhor amigo do homem, na verdade não era tão leal quanto pensava.

“Meu filho peludo idiota tinha um trabalho à noite – latir para coisas e fazer elas irem embora. Fácil, não é mesmo? No entanto, um urso descobriu que meu filho peludo poderia ser subornado. Essa é a TERCEIRA VEZ que ele ganhou ossos de veado de presente em troca de acesso a minha lixeira, E ELE CONTINUA FAZENDO ISSO”, escreveu Jesse em seu tweet.

© JesseNeon / Twitter

Em uma série de fotos compartilhadas pelo morador de Ontário, ele explicou que, em três ocasiões diferentes, seu “filho peludo idiota”, Brickleberry, havia aceitado ossos de um urso astuto em troca de acesso à lixeira de sua casa.

Brickberry ou “Brick” pode ser visto na imagem abaixo aproveitando seu suborno. De acordo com seu dono, ele é “uma mistura de mastiff com um pouco de beagle e é um bom garoto. Ele se dá bem com crianças e aparentemente com ursos também”. Jesse o adotou depois que sua mãe morreu, alguns dias depois de ele nascer.

© JesseNeon / Twitter
© JesseNeon / Twitter

Um estudo sobre ursos-negros descobriu que eles são os ursos mais comuns na América do Norte – e mataram apenas 63 pessoas nos Estados Unidos e no Canadá nos últimos 109 anos. Especialistas afirmam que os ursos-negros tendem a confrontar menos do que ursos-grisalhos e ursos-polares.

Evidências da cena do crime foram grandes quantidades de lixo espalhados pelo seu grande intruso. O tweet foi postado recentemente e conseguiu mais de 35.000 retweets em apenas um dia – afinal, quem não adora uma boa história de crime?

© JesseNeon / Twitter

Talvez ele não o melhor cão de guarda, mas seu dono garantiu a internet que ele ainda era um bom garoto, no fim das contas.

© JesseNeon / Twitter

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.