Conheça o lêmure hilário que viralizou “obrigando” esses meninos a lhe fazerem carinho

Se você já viu lêmures por aí, você sabe que eles não têm absolutamente nenhum problema em conseguir o que querem. Um vídeo que viralizou enviado pelo usuário do YouTube “Subbu Bis” mostra o animal de Madagascar sendo massageado por dois meninos, mas quando eles param, ele aponta para suas costinhas os “obrigando” a dar mais um pouquinho de afeto.

Uma rodada extra de carícias não é suficiente para o animal, no entanto, que continua fazendo sinais para as crianças continuarem.

No entanto, sabemos que tudo tem um porém: os lêmures, encontrados principalmente em Madagascar, estão desaparecendo nas florestas secas que povoaram. Lêmures de cauda anelada e muitas das outras centenas de espécies de lêmures estão em perigo, principalmente como resultado da destruição do habitat, como também do comércio de animais de estimação.

Cerca de 28 mil lêmures foram mantidos como animais domésticos nos últimos cinco anos, de acordo com uma pesquisa publicada no ano passado. Alguns hotéis em Madagascar ainda mantêm lêmures de estimação como uma maneira de atrair os visitantes, como a National Geographic relatou no início deste ano.

Entretanto, a lei malgaxe não apenas proíbe a posse de lêmures sem permissão, mas os lêmures não se dão bem como animais de estimação. Muitos donos não sabem como cuidar de um lêmure tirado da natureza, diz o biólogo de conservação Kim Reuter. Eles são frequentemente alimentados erroneamente e expostos a doenças que normalmente não contrairiam. Como eles podem se tornar agressivos à medida que envelhecem, muitos proprietários acabam os matando.

Portanto, apesar de toda a fofura do vídeo, devemos nos conscientizar de que esses lêmures possivelmente estão fora de seus habitats, sendo considerados como animais de estimação. Assim sendo, vários problemas são originados pela posse desses animais. Lêmures, mais especificamente, são criaturas em extinção e todo cuidado é mais do que necessário.

[RadioX] [National Geographic]

Comentários
Carregando...