Conheça 7 cidades fantasmas que ficam no Brasil e poucas pessoas conhecem

Cidades fantasmas são aquelas que, por algum motivo, foram totalmente desocupadas por parte de seus antigos habitantes, como o que aconteceu em Chernobyl, por exemplo, depois do famoso acidente nuclear. Mas aqui no Brasil nós também temos nossas cidades fantasmas, mesmo que muitos as desconheçam.

Confira a história por trás de algumas delas:

1. Airão Velho/AM

Airão Velho prosperou principalmente durante a Segunda Guerra, quando fez do comércio de látex uma de suas principais ferramentas de desenvolvimento. Quase todo o dinheiro que entrava na cidade vinha da venda de borracha para os Aliados durante o período da guerra.

Ao fim desta, no entanto, os ingleses (principais compradores) deixando de fazer negócios com a cidade, levando à sua falência.

Atualmente, Airão é considerada patrimônio nacional, e não possui nenhum morador.

2. Fordlândia/PA

Wikicommons

Fordlândia recebeu esse nome por ter sido fundada por Henry Ford, que tinha como intuito a criação de uma grande fazenda para produzir borracha (o que, como você já sabe, era um grande negócio no passado). O problema é que as várias seringueiras que foram plantadas por lá acabaram infestadas por pragas, e não foram tão rentáveis como era esperado.

Poucas pessoas ainda vivem no local, mas podemos considerar que Fordlândia é mais uma cidade fantasma brasileira.

3. Igatu/BA

WikiCommons

Localizada na Bahia, Igatu foi uma cidade que prosperou por meio da exploração de diamantes e pedras preciosas, e chegou a ter cerca de 10 mil habitantes durante seus períodos dourados.

No entanto, atualmente, com o retrocesso na extração de diamantes, estima-se que a população não passe de 400 pessoas. Ela nunca foi totalmente abandonada, mas não deixa de ser considerada uma cidade fantasma por conta da “debandada” em massa de seus habitantes.

4. São João Marcos/RJ

WikiCommons

São João Marcos tinha como principal atividade a produção do café, principalmente durante o Brasil Colônia. A partir de 1889, no entanto, a cidade perdeu muitos habitantes.

Várias inundações fizeram com que as pessoas deixassem completamente a cidade, e atualmente ela é considerada uma cidade fantasma.

5. Ararapira/PR

Fundada pela coroa portuguesa, Ararapira começou a decair em 1952. Foi transformada em Parque Nacional no ano de 1999, e hoje é considerada um Patrimônio Natural da Humanidade. O cemitério da cidade ainda costuma receber algumas visitas.

6. Biribiri/MG

Biribiri se manteve durante um bom tempo com a indústria têxtil, e algumas casas foram construídas para abrigar trabalhadores de fábricas. O lugar perdeu a maior parte de seus habitantes, no entanto, quando a indústria começou a perder força.

7. Ouro Fino/GO

Fundada em 1727, teve considerável importância na busca por ouro. Atualmente, no entanto, pouco resta do que antes foi uma cidade relativamente movimentada, para a época.

você pode gostar também
1 comentário
  1. Preston gouvea Diz

    Ola quando vcs vao postar lugares abandonados no brasil…mansões, casarões, fazendas etc…? Nós leitores iremos adorar essa pauta.
    Obrigado!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.