Bombeiros estão alertando as pessoas para nunca deixarem suas garrafas de água no carro

De acordo com um artigo do Centro de Pesquisa sobre a Epidemiologia dos Desastres, 90% de todos os desastres naturais são relacionados à água. Mas tempestades, inundações, tsunamis e secas não são as únicas ameaças que enfrentamos: como você verá a seguir, devemos ter muito cuidado até mesmo com uma pequena e “inofensiva” garrafa de água em um dia quente.

O centro do problema é que garrafas de água deixadas no carro podem causar incêndios ou resultar em outros danos (maiores ou menores).

Bombeiros estão alertando as pessoas para nunca deixarem suas garrafas de água no carro. Veja só o motivo:

Você já tentou acender uma folha de papel usando uma lupa sob luz solar direta? É o mesmo processo com garrafas d’água em um carro durante um dia de sol.

Quando os raios de sol passam por plástico e líquido, eles possuem o mesmo efeito que uma lupa. Em um teste realizado pelo Corpo de Bombeiros de Midwest City, a luz solar que passou por uma garrafa de água chegou a 250º!

A imagem abaixo demonstra apenas uma pequena consequência. Mas como isso pode ser evitado?

As medidas de precaução podem parecer bastante óbvias, mas fique atento:

  • Evite levar uma garrafa de água para o seu carro. De acordo com a National-Lottery.co.uk, um adulto comum esquece 3 fatos, tarefas ou eventos todos os dias. O estilo de vida moderno, o aumento da pressão e do estresse são responsáveis ​​pelos crescentes níveis de esquecimento.
  • Se você é uma pessoa que não consegue viver sem uma garrafa de água em um dia quente, tenha sempre com você outro tipo de garrafa que não seja de plástico.
  • Se você não quiser levar uma garrafa tão pesada consigo, deixe-a em um lugar onde os raios de sol não a alcancem.

Algumas outras ameaças:

Uma pesquisa feita pela Universidade da Flórida descobriu que o plástico normalmente usado em garrafas de água pode liberar antimônio e bisfenol A, se exposto à luz solar por um período de tempo. Quanto mais garrafas de plástico ficarem em um ambiente quente, mais antimônio e bisfenol A são liberados. Veja uma pequena lista de problemas que podem ocorrer caso você beba de uma garrafa plástica quente:

  • Alterações nos níveis hormonais;
  • Problemas cardíacos;
  • Aumento do risco de câncer;
  • Dor de estômago;
  • Diarreia;
  • Vômito, náuseas, entre outros.

E, é claro, evite sempre esquentar qualquer tipo de plástico, como por exemplo, recipientes em micro-ondas. Você já havia ouvido falar sobre esse fenômeno? Não deixe de compartilhar suas informações conosco nos comentários!

[Bright Side]

Comentários
Carregando...