Avós que cuidam de seus netos vivem mais tempo, segundo a ciência

Quando se trata de casamento, uma das melhores coisas possíveis que um casal pode fazer para o seu relacionamento é separar uma noite para saírem uma vez por semana. E, no caso de filhos, geralmente pensamos em babás para dar conta do recado (afinal de contas, serviços que economizam seu tempo deixam todos mais felizes), mas os preços ultimamente podem ser bastante altos. Porém, há outra opção na mesa e é gratuita – os tão adorados avós.

© Shutterstock

Esta decisão não somente é uma boa ideia para seu bolso, mas também para a saúde dos seus pais. De acordo com um novo estudo publicado na Evolution and Human Behaviour, avós que cuidam de seus netos vivem vidas significativamente mais longas (o que faz sentido, já que ser avó ou avô proporciona alguns benefícios de saúde surpreendentes.

O estudo utilizou dados do Berlin Aging Study e analisou 20 anos de dados de 500 idosos com 70 anos ou mais. Os avós que prestaram alguma forma de cuidado aos netos tinham uma chance de ataque cardíaco 37% menor do que os que nunca cuidaram.

© Shutterstock

“Existe uma ligação entre fornecer esse cuidado e a redução de estresse, além de sabemos a relação entre o estresse e o risco de morte”, disse o Dr. Ronan Factora, especialista em medicina geriátrica na Cleveland Clinic. “Se prover cuidados para netos e outros necessitados é uma maneira que pode realmente reduzir o estresse, então essas atividades devem ser benéficas para as pessoas que são avós e prestam esses cuidados aos seus netos.

© Shutterstock

Os benefícios se estendem além de parentes de sangue, já que os idosos que forneciam cuidados para crianças que não eram de suas famílias também desfrutavam de benefícios semelhantes.

buy metformin metformin online