Ataque da Rússia deixa maior usina nuclear da Europa em risco

Atualização ao fim da matéria.

A usina nuclear de Zaporizhzhia, na Ucrânia, a maior de seu tipo na Europa, estava pegando fogo na manhã de sexta-feira após um ataque de tropas russas, disse o prefeito da cidade vizinha de Energodar.

Houve combates ferozes entre as forças locais e as tropas russas, disse Dmytro Orlov em um post on-line, acrescentando que houve baixas sem dar detalhes.

Anteriormente, as autoridades ucranianas relataram que as tropas russas estavam intensificando os esforços para tomar a usina e entraram na cidade com tanques.

“Como resultado do contínuo bombardeio inimigo de edifícios e unidades da maior usina nuclear da Europa, a usina nuclear Zaporizhzhia está pegando fogo”, disse Orlov em seu canal Telegram, citando o que ele chamou de ameaça à segurança mundial. Ele não deu detalhes.

A usina Zaporizhzhia abriga seis reatores de 950 megawatts projetados pelos soviéticos, construídos entre 1984 e 1995, e responde por cerca de 20% da eletricidade do país.

Veja o vídeo do ataque:

A Rússia já tomou o controle a extinta usina de Chernobyl, a cerca de 100 quilômetros ao norte da capital da Ucrânia, Kiev.

A invasão da Ucrânia está entrando em seu nono dia. Acredita-se que milhares tenham morrido ou sido feridos à medida que o maior ataque a um estado europeu desde a Segunda Guerra Mundial se desenrola, criando 1 milhão de refugiados, golpes na economia da Rússia e temores de conflitos mais amplos no Ocidente que não eram considerados há décadas.

ATUALIZAÇÃO: Novas informações dizem que os reatores não estão pegando fogo, e a usina não sofreu nenhum dano crítico.  Os incêndios não afetaram a estrutura principal da planta. 

buy metformin metformin online