Pular para o conteúdo
Argentina estuda colocar Lionel Messi em suas notas

Argentina estuda colocar Lionel Messi em suas notas

O Banco Central da República da Argentina está considerando a possibilidade de imprimir o rosto de Lionel Messi em uma série de notas de 1.000 pesos (equivalente a R$ 30), em homenagem à vitória da Argentina na Copa do Mundo.

A mudança ocorreria após comemorações generalizadas no país após a vitória da Argentina no domingo, com Messi sendo saudado como um herói. Esta não é a primeira vez que a Argentina homenageia suas vitórias na Copa do Mundo com uma moeda especial. Uma série de moedas foi emitida anteriormente para marcar a primeira vitória do país na Copa do Mundo em 1978.

Aos 35 anos, Messi completou o “círculo” de sua carreira única ao finalmente vencer a Copa do Mundo, um título que o havia escapado nos anos anteriores. Ele levou a Argentina à vitória sobre a atual campeã França, marcando dois gols na final e dando assistência em outros três. Ele encerrou o torneio com um total de sete gols, tornando-se um dos artilheiros.

A carreira de Messi foi marcada por inúmeros sucessos, incluindo a conquista da Copa América em 2021. No entanto, a Copa do Mundo sempre foi uma peça que faltava em sua coleção de troféus.

A edição deste ano foi sua última chance de conquistar o cobiçado troféu, e ele conseguiu de forma espetacular. A satisfação de finalmente vencer a Copa do Mundo foi grande, mas não completa, pois Messi anunciou que esta seria sua última Copa do Mundo, dizendo que não achava que poderia participar da próxima.