Após 31° C de calor, tempestade de granizo inunda cidade mexicana em 1,5 metros de gelo

Uma insana tempestade de granizo em Guadalajara, no México, fez com que moradores de pelo menos seis bairros acordassem no domingo para encontrar as ruas e seus veículos enterrados em até 1,5 metro de gelo. Foi ainda mais chocante porque, até então, a cidade estava sob temperaturas de 31 ° C.

O governador do estado, Enrique Alfaro, twittou sua surpresa, dizendo que ele havia “testemunhado cenas que nunca tinha visto”.

Gelo e lama cobriam tudo, inclusive carros, com as autoridades do governo local e o exército mexciano trabalhando duro para limpar as estradas.

“Em coordenação com o exército mexicano e as autoridades municipais de Guadalajara e Tlaquepaque, o governo de Jalisco está trabalhando na limpeza e remoção de granizo nas estradas públicas, bem como apoiando os cidadãos que sofreram preocupações sobre suas casas”.

Guadalajara, no estado de Jalisco, a noroeste da Cidade do México, é uma das cidades mais populosas do México. Junho é o mês mais quente do estado em média, embora a temperatura média varie apenas entre 17° C  e 24° C  durante todo o ano.

Embora as tempestades de granizo sazonais sejam conhecidas, nada como nesta escala foi visto na memória recente. A tempestade de granizo ocorreu entre as 01h50 e as 02h10, horário local, de acordo com a BBC News, quando a temperatura caiu de 22 ° C para 14 ° C. Especialistas em meteorologia disseram que as pedras de granizo eram de tamanho normal, mas derretiam ao entrar em contato com o solo quente, criando um rio que permitia que mais granizo flutuasse e se acumulasse no topo.

 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.