Notícias e artigos sobre ciência, incluindo espaço, biologia, arqueologia, e muito mais.

20 fatos curiosos sobre Alexandre o Grande que valem a pena conhecer

Existe uma grande possibilidade de que você esteja familiarizado com pelo menos alguns fatos sobre Alexandre o Grande. Afinal, sua marca na história é bastante substancial. Ele é responsável pelo nascimento de um período histórico inteiro, amplamente conhecido como a era helenística.

Durante seu reinado, os gregos viram uma escala de unificação e expansão sem precedentes, e sua campanha continua sendo uma das maiores – se não a maior – orquestrada por um único governante.

Pensando nisso, trouxemos 20 fatos curiosos sobre Alexandre o Grande que valem a pena conhecer. Veja a seguir:

1 – Alexandre III da Macedônia, mais conhecido como Alexandre o Grande, era um rei do antigo reino grego da Macedônia e um membro da dinastia argéada, uma antiga casa real grega de Peloponeso.

2 – Seu nome vem do grego alexo, “defender”, e andr, “homem”, significando “protetor dos homens”.

3 – O pai de Alexandre, Felipe II da Macedônia, contratou Aristóteles, um dos maiores filósofos da história para educar Alexandre aos treze anos. Ele foi o mentor de Alexandre até ele completar dezesseis anos, quando Alexandre tomou o trono da Macedônia.

4 – A mãe de Alexandre, Olímpia, era filha de Neoptólemo I, rei dos Molossianos, uma antiga tribo grega em Epiro. Angelina Jolie retratou-a com sucesso no filme “Alexandre” de Oliver Stone, lançado em 2004,.

5 – Acredita-se que Alexandre teve dois filhos: Héracles, um filho com sua amante Barsine e Alexandre IV, seu filho com Roxana. Infelizmente, após a morte, ambos os filhos foram assassinados antes que pudessem atingir a idade adulta.

6 – Alexandre fundou mais de setenta cidades e nomeou pelo menos vinte remetendo a si mesmo, sendo Alexandria no Egito a mais popular. Além disso, próximo do local da batalha do rio Hidaspes (agora conhecido como rio Jhelum na Índia), Alexandre fundou a cidade de Bucéfala, baseado no nome de seu cavalo, Bucéfalo, que foi mortalmente ferido na batalha.

7 – Ele era uma das figuras estrangeiras mais admiradas em Roma, mesmo muitos anos depois de sua morte. Talvez seja por isso que Júlio César, Marcos Antônio e Augusto fizeram peregrinações ao túmulo de Alexandre em Alexandria.

8 – Você pode adivinhar o que Alexandre, Gengis Khan e Napoleão tinham em comum? Você provavelmente está pensando no quesito “dominar o mundo”, mas esse não é o caso. Todos têm fama de sofrer de ailurofobia – um medo irracional de gatos.

9 – As táticas e estratégias militares de Alexandre o Grande ainda são estudadas em academias militares hoje. Desde sua primeira vitória aos 18 anos de idade até sua morte (aos trinta e três anos), ele nunca perdeu uma única batalha.

10 – Você já ouviu falar do Greco-Budismo? Este termo refere-se ao sincretismo cultural entre a cultura helenística e o budismo, que se desenvolveu entre o século IV a.C. e o século V d.C. em Báctria e o subcontinente indiano, correspondendo aos territórios do Afeganistão moderno, da Índia e do Paquistão.

Foi uma consequência cultural de uma longa cadeia de interações iniciada por incursões gregas na Índia desde o tempo de Alexandre o Grande, levado adiante pelo estabelecimento do reino indo-grego e prolongado durante o florescimento do Império Kushan.

11 – Uma das lendas mais famosas sobre Alexandre é que, em 333 a.C., quando estava em Górdia, na Ásia Menor, ele desfez o nó górdio. A profecia sobre o nó górdio dizia que aquele que o desamarrasse dominaria toda a Ásia. Acredita-se que Alexandre tenha desfeito o nó cortando-o com uma espada e que o homem que amarrou o nó foi Midas ou seu pai, Górdio.

12 – A República da Macedônia, um país moderno localizado na Península Balcânica Central no sudeste da Europa, não está relacionada historicamente com o reino grego da Macedônia. Seu nome, no entanto, deriva da região grega Macedônia, capital do antigo reino de Alexandre.

13 – Alexandre já realizou uma competição de bebida entre seus soldados. Quando terminou, quarenta e dois soldados morreram por intoxicação por álcool.

14 – Alexandre o Grande foi rei do reino grego de Macedônia, faraó do Egito, rei da Pérsia e rei da Ásia, tudo ao mesmo tempo!

15 – Depois de derrotar os persas, Alexandre começou a utilizar vestimentas persas e teve duas esposas para que as pessoas recém-conquistadas se sentissem mais à vontade com seu novo líder.

16 – Embora tenham aparecido muitas teorias ao longo dos anos, a verdadeira causa da morte de Alexandre continua a ser um dos muitos mistérios do mundo antigo. Nos tempos modernos, especialistas médicos alegaram que malária, infecção pulmonar, insuficiência hepática ou febre tifoide podem ter sido as causas, mas ninguém pode afirmar com certeza.

17 – A Ilíada e a Odisseia eram seus livros favoritos. Desde a infância se inspirou pelos heróis do Homero e dormia com a Ilíada sob seu travesseiro. Além disso, o guerreiro grego Aquiles, que lutou em Tróia, o fascinou e desenvolveu sua imaginação mais do que qualquer outro personagem dos livros épicos.

18 – No entanto, o maior ídolo e influência de Alexandre foi Hércules. Sua admiração pela figura mitológica grega mais famosa de todos os tempos era tão profunda que ele se autoproclamou filho de Zeus (assim como Hércules), e sempre se gabava de que era descendente de Hércules ao lado de seu pai.

19 – Apesar de ser conhecido como um dos maiores generais e guerreiros de todos os tempos, Alexandre amava tanto filosofia que durante sua conquista da Índia, ele fez uma pausa na sua campanha militar para ter longas discussões com os ginosofistas, “filósofos nus” nas tradições das religiões hindu e jainista (eles evitavam a vaidade e roupas humanas).

20 – Alexandre o Grande lavava os cabelos diariamente com açafrão para mantê-los brilhantes e alaranjados. Tenha em mente que o açafrão era raro na época e um pouco mais caro do que o ouro.

Além disso, dizem que Alexandre o Grande tinha um cheiro muito bom. O historiador grego Plutarco relata em seu livro “Vidas dos Nobres Gregos e Romanos” que “um cheiro muito agradável” saía da pele de Alexandre e que seu hálito e seu corpo estavam tão perfumados quanto o perfume das roupas que usava. 

[List25]

Comentários
Carregando...