5 coisas bizarras sobre o sono. O #1 é assustador

O sono sem dúvida virou palco para diversas lendas e as mais terríveis histórias sobrenaturais. Entretanto, muitas delas já foram explicadas pela ciência, como por exemplo o item de número #1 desta matéria (que mesmo assim, permanece sendo terrível para muitas pessoas).

Confira 5 curiosidades bizarras sobre o sono e entenda um pouco mais sobre o que pode acontecer neste processo interessante que todos nós passamos todas as noites:

5 – Você pode morrer se ficar sem dormir

Nós todos podemos passar a noite em claro e o dia seguinte irritados, esperando o momento em que poderíamos finalmente ir para a cama. Isso parece normal, mas a longo prazo a privação crônica do sono é terrivelmente assustadora.

Fique alguns dias sem dormir e você vai começar a sofrer de alucinações, pressão alta e perda de memória – em além dos efeitos a mais curto prazo, você ficará irritado deprimido. A privação de sono a longo prazo, voluntária ou involuntária, pode levar ao ganho de peso, momentos aleatórios de perda de consciência e até mesmo danos permanentes ao sistema imunológico. Não é inédito para as pessoas que podem morrer depois de ficarem sem dormir por três dias.

Jiang Xiaoshan é um exemplo de um jovem que morreu ao tentar ficar acordado por três dias para assistir a uma maratona de campeonatos de futebol.
Outra história é a do ciclista esloveno Jure Robic, que tentou ficar acordado para “melhorar o seu desempenho” na prova. Ele começou ter alucinações de pessoas o seguindo e teve muita dificuldade de completar a tarefa, tendo de ser auxiliado pela equipe socorrista. Robic morreu em 2010, quando foi atingido por um carro durante um passeio de treinamento.

4 – O olfato não serve como despertador

Você certamente já deve ter ouvido falar de casos em que pessoas em incêndios não acordaram enquanto suas casas estavam em chamas. Certamente você deve ter se perguntado “mas como isso é possível, já que o cheiro de fumaça é forte?”

A resposta é simples: pelo simples fato de que a nossa habilidade de reagir na presença de diferentes odores muda enquanto dormimos.

Um experimento realizado pela Universidade Brown comprovou isso: colocou-se voluntários a diversos cheiros enquanto dormiam e quando entraram em estágio de sono profundo, não demonstraram quaisquer tipo de reações, nem pelos cheiros mais fortes.

Use o menu abaixo para continuar lendo o artigo.

Veja também: Mais do autor

Comentários

Carregando...