4 sinais que indicam que você tem uma boa inteligência emocional

Shutterstock

Há algum tempo, quando falávamos em inteligência, normalmente estávamos nos referindo à capacidade de um indivíduo lidar com expressões matemáticas, com a língua portuguesa, problemas de raciocínio lógico, entre outros conteúdos. No entanto, atualmente podemos falar em diversos tipos diferentes de inteligência, sendo que um deles é a inteligência emocional, que nada mais é do que a forma como percebemos, sentimos, expressamos e reagimos aos nossos estímulos emocionais. Algumas pessoas possuem mais facilidade que outras para gerenciar de forma inteligente suas emoções, e nessa lista você vai conferir alguns fatores que podem indicar se você está fazendo as coisas do jeito mais coerente.

Confira:

1. Você sabe enxergar as coisas pela ótica dos demais, e não se coloca sempre em primeiro lugar.

Shutterstock

Como você certamente sabe, nós hoje em dia vivemos em uma sociedade totalmente interligada, onde frequentemente estamos tomando decisões que podem impactar na vida dos outros, além da sua. Isso também se aplica a ambientes profissionais, acadêmicos e demais espaços onde você esteja lidando diretamente com outros indivíduos. A capacidade de conseguir se colocar no lugar dos outros e tomar decisões que possam ser benéficas para todos, sem colocar suas próprias emoções acima das demais, indica uma mentalidade forte e grande inteligente emocional.

Estas características, obviamente, estão cada vez mais requisitadas também pelo mercado profissional, já que pessoas dotadas destas capacidades costumam se dar melhor em trabalhos em equipe.

2. Você sabe gerenciar suas emoções de forma a alterar a maneira como você encara o que está sentindo.

Shutterstock

Vamos tomar como exemplo a ansiedade, que é considerada por muitos como o mal do século. De fato, crises de ansiedade, principalmente quando se tornam frequentes na vida de alguém, podem ser limitadoras e extremamente prejudiciais. No entanto, um nível controlado de ansiedade ajuda o indivíduo a manter a concentração e a dedicação adequada para certas atividades, já que o “medo de errar”, por exemplo, que é apenas uma das sensações que acompanha a ansiedade, pode servir também como um combustível para buscar a melhor forma de desempenhar uma tarefa. O grande desafio aqui, como você talvez já tenha percebido, é encontrar o equilíbrio entre a ansiedade prejudicial, que pode lhe bloquear e impedir de realizar suas atividades diárias, e um nível mais adequado, que pode acabar por ser útil.

Saber “alterar” a forma como você encara a ansiedade (bem como outras sensações) é uma das características de quem possui uma forte capacidade emocional. No entanto, obviamente não é assim tão simples.

3. Você pensa muito bem antes de ter qualquer tipo de reação.

Shutterstock

É bastante comum que as pessoas “simplesmente reajam” ao perceber algum tipo de emoção fora do comum, ainda que façam isso de forma involuntária. Indivíduos com um maior controle e inteligência emocional, no entanto, podem minimizar os danos e efeitos negativos deste comportamento, pensando melhor sobre suas reações, antes de decidir qual é a melhor forma de lidar com cada situação.

4. Você consegue compreender que suas emoções e sensações não lhe definem por completo, e podem ser passageiras.

Shutterstock

Um dos problemas que mais afetam as pessoas acometidas por qualquer tipo de “anormalidade” emocional é a ideia de que esta condição lhe acompanhará pelo resto da vida. Em alguns casos, é claro, isso pode ser verdade, mas muitas vezes a ansiedade, a depressão ou a preocupação excessiva sobre determinado tema pode ser algo passageiro (ainda que consideravelmente duradouro) em nossas vidas. Estas condições, no entanto, não nos definem. Saber entender que “estamos ansiosos ou depressivos” e não “somos ansiosos ou depressivos” pode ser crucial para que lidemos melhor com estes desafios.

Lembre-se, a inteligência emocional é uma característica que pode ser aprimorada ao longo de nossas vidas.

Se você ainda não se considera alguém com estabilidade e inteligência emocional, não há motivo para grandes preocupações. Este tipo de capacidade cognitiva pode ser trabalhada ao longo de sua vida, e certamente você já é muito mais forte neste sentido do que era há alguns anos, e com certeza estará ainda mais forte no futuro desde que trabalhe estas áreas.

Vale sempre ressaltar que visitar um especialista, como um psicólogo, é crucial e indispensável para quem está lidando com qualquer tipo de dificuldade ou desafio emocional, já que estes profissionais conhecem as ferramentas adequadas para lidar com cada caso específico, e podem lhe ajudar mais do que qualquer outra pessoa.

Inscreva-se no nosso canal do YouTube

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.