4 mortes famosas mais constrangedoras que poderiam existir

Sem dúvida a vida de quem fez história – e também das celebridades bem famosas – é impossível não ser conhecida. Cada passo que essas pessoas dão fica documentado, ainda mais quando falamos sobre a morte de uma delas.

Os fãs dessas pessoas ficam incrédulos pelo fato de suas mortes não terem sido tão relevantes como foram suas vidas – e, pasmem: algumas mortes foram até mesmo bizarras.

Veja só 4 mortes famosas mais constrangedoras que poderiam existir:

4 – Allan Pinkerton

@Wikimedia Commons

Allan Pinkerton, em 1842, se mudou com sua esposa para a América do Norte. Lá ele acabou identificando um grupo de homens que falsificava dinheiro e decidiu denunciá-los para as autoridades.

As autoridades ficaram impressionadas em saber que ele estava certo em sua suspeita e assim ele foi contratado para ser vigia de falsificadores. Ele teve tanto sucesso em sua carreira que acabou virando deputado.

Bem, você deve imaginar que ele tenha morrido em algum escândalo ou assassinato, certo? Errado:  Pinkerton morreu depois de morder a própria língua, o que resultou em um caso fatal de gangrena.

3 – Franz Reichelt

@Wikimedia Commons

Sem dúvida sua morte bizarra também fez parte do seu legado: Franz Reichelt foi um inventor austríaco-francês, pioneiro no paraquedas. Ele era alfaiate e amava aviação, por isso decidiu investir em um invento inusitado:  um paraquedas para baixas altitudes.

O paraquedas já existia na época mas Reichelt decidiu pegar a tarefa de fazer um para baixas alturas para si. De início os primeiros testes foram um desastre: ele quebrou a perna e se machucou todo. Porém, ele alegava que a altura a que estava pulando ainda era muito baixa e convenceu a Polícia de Paris a deixá-lo pular do primeiro andar da Torre Eiffel.

Depois de dar um tchauzinho ele saltou para sua morte, no dia 4 de fevereiro de 1912.

2 – Ésquilo

@Wikipedia

Ésquilo foi um dramaturgo da Grécia Antiga, reconhecido frequentemente como o pai da tragédia. E, com esse título, ele não poderia ter uma morte mais dramática: diz que, durante uma viagem que ele fez à Sicília, uma águia confundiu sua careca com uma pedra e jogou uma tartaruga em sua cabeça. Outras “teorias” acreditam que alguém deva ter cometido o assassinato, porém as evidências indicam que ele estava sozinho no local.

1 – Elvis Presley

@Wikipedia

A morte do rei do rock levanta muitas teorias e, pasmem: muitas pessoas ainda acreditam que ele está vivo. Bem, tudo aconteceu no dia 16 de agosto de 1977, quando uma ligação de emergência foi recebida sobre alguém chamado Elvis Presley Boulevard, que estava com dificuldades para respirar. Os paramédicos sabiam que estavam se dirigindo para a casa do astro e contam que ao chegarem, viram ele inconsciente no vaso sanitário.

Elvis havia tido um ataque cardíaco aos 42 anos e muitas notícias da época associavam a sua morte com constipação. Porém, o que acontece é que Elvis já vinha apresentando problemas cardíacos e seu coração estava muito fraco. Os remédios em excesso juntamente com a condição de saúde do rei contribuíram para sua morte.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.