16 imagens que mostram a vida feliz que uma pessoa morando sozinha pode ter

Às vezes, na pressa de ser visto, de ser popular e de se sentir amado e aceito pelos outros, esquecemos a simples, mas gratificante alegria da solidão.

É nesse universo que a artista Yaoyao Ma Van As encontra sua inspiração. Em uma série de ilustrações belas e caprichosas que transmitem calma e tranquilidade, seu trabalho celebra a inocência da juventude, a beleza da natureza e a felicidade que pode ser encontrada simplesmente por estar sozinho. Vale muito a pena conferir:

16 – Viver sozinho não precisa ser tão sozinho assim:

View this post on Instagram

Zoomies!! #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

15 – Há várias formas de se aproveitar o dia:

View this post on Instagram

Humming strumming kisses #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

14 – E também eventos especiais:

View this post on Instagram

Park-O-Lantern #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

13 – Decorar a casa com a natureza pode ser algo muito gratificante:

View this post on Instagram

Make way for Fall #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

12 – Descobrir universos novos nas prateleiras:

View this post on Instagram

Between these dusty pages #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

11 – Aproveitar momentos simples como sentir a chuva caindo:

View this post on Instagram

Washed away #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

10 – E fazer a própria comida:

View this post on Instagram

Can't stop eating #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

9 – Manhãs de primavera e um belo copo de chá:

View this post on Instagram

Little by little #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

8 – Aventurar-se em meio à natureza:

View this post on Instagram

Adventure is out there! #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

7 – Descobrir coisas novas sobre si mesmo:

View this post on Instagram

Rediscovering who I am #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

6 – Se arrumar no seu tempo sem se preocupar com outros apressando você:

View this post on Instagram

Alright Monday, let's do this! #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

5 – Passar horas relaxando na banheira para esquecer os problemas:

View this post on Instagram

"Sick" day ? #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

4 – Assistir a seus filmes e séries favoritos e chorar sem precisar esconder:

3 – Pegar uma tarde para organizar suas roupas de inverno:

2 – Para se preparar para a melhor estação do ano:

1 – E, é claro, simplesmente ser você mesmo!

View this post on Instagram

Pick me up, mama! #dailysketch

A post shared by Yaoyao Ma Van As (@yaoyaomva) on

Afinal, já dizia o ditado “Antes só do que mal acompanhado”. E você, mora sozinho? Como se sente? Conte pra gente nos comentários!

você pode gostar também
9 Comentários
  1. Fátima Diz

    Nossa!! Adorei este texto e as ilustrações são obras-primas. Tenho 63 anos e aprendendo a viver só depois de um casamento de zilhões de anos desfeito. Inicialmente não foi fácil, mas venho superando e apreciando cada vez mais a solitude, minha companhia (e do meu dog Whisky), eventuais visitas e cafés com amigas. Mas o bom mesmo é levantar as 2h da manhã quando o sono vai embora e ir para a cozinha fazer uma torrada sem ter que dar nenhuma ‘satisfação’. Regar minhas plantas, escrever cartas (resgatando o hábito), passear com meu dog, ir à praia, já que moro no paraíso chamado Florianópolis. Fazer caminhadas matutinas…bom demais. E recentemente passei 9 meses viajando pelo mundo, sozinha: Comecei em Portugal, segui para Holanda, Bélgica, Dinamarca, Luxemburgo, Itália, Malta, Croácia, Sérvia, Bósnia e Herzegovina, Montenegro, Albânia, França e … back to Portugal. Seguindo para o Brasil mês que vem, renovada! Como trabalho remotamente (sou tradutora), é só levar o lap-top, plugar e…ser feliz. SER FELIZ – só isso vale. Fazer bem a você mesma e a quem te cerca. E como faremos bem a quem nos cerca se não estamos bem conosco mesmos? Obrigada pela matéria. Ficou show.

    1. Fla Diz

      Excelente comentário

  2. Oscar Diz

    Amei o tema e a forma de apresentá-lo com desenhos, não em fotos.
    Sim, concordo: A vida solitária é ótima e dependendo das exigências ou carências de cada pessoa, poderá ser um éden na Terra.
    Eu, pessoalmente acho. Pois é o que venho desfrutando há mais de 25 anos nesta adorável vida de “apartado”(hehehe)…
    Claro, sem contar o saudoso período de solteiro, na flor da idade. Afinal, nada se compara àqueles tempos.
    Mas, nunca em toda a minha vida sequer pensei em sentar na bancada da pia da cozinha como mostra uma das fotos. E pior, com um dos pés sobre o mesmo lugar em que utilizamos para preparar a comida… Sei não…
    – Tá certo que a liberdade é coisa pessoal e cada um faz da sua intimidade o que desejar. Mas, no entanto, em um texto destinado ao público, parece propaganda de um comportamento nada higiênico, mas que poderia ser ser adotado quando na solidão e sem problemas. Sei lá…
    Perdão por não concordar, mas fazer o que? Cada um cada um. Paz.

  3. João Diz

    Bagunça por todos os lados. Precisa mesmo disso pra provar que é livre?
    E esse cachorro? Adoro cachorros, mas o fato de ele estar presente em praticamente todas as fotos me parece uma tentativa de preencher o vazio de estar sozinho sem incluir um humano. Meio contraditório.

    1. Castiel Diz

      Não necessita de “humano” , quando se tem um cachorro .

    2. Alexandre Rodrigues da Silva Filho Diz

      Roubou meu pensamento…kkkkkk
      Impressionante!

  4. Franciney Diz

    Adorei, só falta uma hidromassagem meu sonho de consumo! Quem sabe consigo realizar ? Até viajo com minha cachorra, ela está sempre comigo, bar, praia, cachoeira,shopping, feira, restaurante, bike!

  5. Eu adorei. Diz

    Eu amei . Moro com 4 gatos e uma pode . Estão comigo onde estou . Adoro uma baguncinha em casa . Me sinto só algumas vezes SIM. Mas aí é que eu saio e procuro fazer algo . Não trabalho fora . Sobra tempo demais as vezes

  6. Soane André Diz

    Muito bom, perfeito, mas a imagem da moça na janela, amei mais ainda.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.