15 fatos únicos que provam que a Ásia é um mundo à parte na Terra

Seja por conta da distância, da cultura ou por qualquer outro motivo, o continente asiático desperta a curiosidade e a paixão de muitas pessoas que vivem no ocidente. Fato é que de fato existem diversas diferenças entre o estilo de vida asiático e o nosso, e nessa lista você vai conferir algumas das curiosidades mais interessantes envolvendo a cultura e o povo asiático.

Veja:

1. O Japão possui uma das sociedades mais idosas do mundo.

O Japão possui uma das sociedades mais idosas do mundo
Shutterstock

No que diz respeito à idade de seus moradores, o Japão perde apenas para o Principado de Mônaco. A idade média dos japoneses é 44,6 anos, e existem mais de 50 mil pessoas acima dos 100 anos de idade no país. Com uma das maiores expectativas de vida em todo o mundo, os homens japoneses esperam viver até os 80 anos, enquanto as mulheres até os 86.

2. Os asiáticos se preocupam mais com a higiene do que a maioria das pessoas de outros países.

Uma prova prática disso é o fato dos asiáticos terem chinelos de uso específico para os banheiros. Eles fazem isso para evitar que germes do banheiro sejam arrastados pelo restante da casa, e talvez isso tenha uma pequena parcela de participação no fato dos japoneses terem uma expectativa de vida maior que a nossa, junto com diversas outras práticas, é claro.

3. Sabores especiais de refrigerante.

Esqueça os refrigerantes tradicionais, na Ásia você pode encontrar diversos sabores diferentes e únicos. Esta Pepsi-Cola, por exemplo, possui sabor ‘sakura’, em homenagem a uma das plantas mais famosas do Japão.

Se você tiver a oportunidade, realmente vale a pena experimentar!

4. Alguns países asiáticos aplicam sérias leis de multas.

Em Singapura, por exemplo, você pode ser multado por diversas atitudes, como praticar vandalismo, não puxa a descarga e cuspir em ambientes públicos.

Esta é a forma que o país encontrou de manter as coisas em ordem e educar o povo fazendo com que sintam as consequências de seus atos no próprio bolso!

5. Não é “estranho” que as pessoas durmam em ambientes públicos e até mesmo no trabalho.

Não é "estranho" que as pessoas durmam em ambientes públicos e até mesmo no trabalho
Shutterstock

Os japoneses, bem como pessoas de outros países asiáticos, são em grande parte o que chamamos de “workaholics”, ou seja, pessoas que levam o trabalho muito a sério. Por isso, elas costumam aproveitar qualquer oportunidade para descansar e dormir um pouco, mesmo que seja em ônibus ou até mesmo em ambiente profissional, quando existe a oportunidade.

As pessoas não enxergam isso como uma prática estranha, e é bem comum ver pessoas dormindo durante seus deslocamentos e horários de intervalo.

6. Gosto por esportes “diferentes”.

Os asiáticos são muito habilidosos na grande maioria dos esportes apreciados no mundo inteiro, não é à toa que quase sempre estão na parte de cima das tabelas de medalhas nos Jogos Olímpicos.

Entretanto, alguns esportes são apreciados quase que majoritariamente por povos asiáticos, como o sumô, por exemplo, que é uma paixão nacional no Japão, mas possui pouca atratividade fora do país.

7. Apesar de extremamente grande territorialmente, a China possui apenas um fuso horário.

china
Wikimedia

O território chinês se estende por cinco zonas horárias diferentes. Entretanto, desde 1949, quando o país estava sendo afetado pela Guerra Civil Chinesa, a China optou por adotar apenas um fuso horário em todo o seu território. Esta decisão foi feita com o intuito de colaborar com o sentimento de “unidade” que os governantes queriam espalhar pelo país. Mas no final isso acabou fazendo com que, por exemplo, o sol demorasse duas horas a mais para nascer em alguns cidades, em comparação com as demais.

8. A China possui a maior ponte do mundo.

Wikimedia

A Grande Ponte de Danyang-Kunshan é uma verdadeira maravilha da engenharia, e possui nada menos que 164,8km de comprimento, tendo levado incríveis quatro anos para ficar pronta.

9. Os tailandeses não cortam o cabelo nas quartas-feiras.

Tailandesas
Shutterstock

A Tailândia é um país repleto de crenças e superstições, e uma delas diz que as pessoas nunca devem cortar seus cabelos nas quartas-feiras. Existem diversas teorias que tentam explicar esta superstição, mas a mais aceita entre todas é a de que a quarta-feira é o dia em que o Rei da Tailândia faz o seu corte de cabelo. Por isso, é considerado desrespeitoso usar o mesmo dia para a mesma finalidade.

10. Muitos asiáticos têm o hábito de manter suas unhas grandes.

Este fato pode ser um pouco nojento, mas muitos asiáticos deixam suas unhas crescerem bastante, normalmente nos dedos mínimos, com o intuito de utilizar esses dedos para limpar o nariz e as orelhas.

Além disso, uma outra explicação um pouco menos nojenta é de que as unhas compridas indicam que a pessoa em questão não realiza trabalhos manuais, o que teoricamente, na visão cultural deles, indicaria um “status” social e intelectual mais elevado.

11. Os asiáticos não aparentam a idade quem têm!

Caso você nunca tenha percebido, não é assim tão fácil adivinhar a idade de um asiático a partir de sua aparência. Nas imagens cima, por exemplo, você pode facilmente imaginar que está vendo um garoto e uma garota de no máximo 20 e poucos anos. No entanto, trata-se de Lure Hsu e Chuando Than, de 43 e 52 anos, respectivamente.

O motivo para isso? Bem, se os asiáticos conhecem algum segredo para manter a aparência jovial, pelo menos eles nunca revelaram para o resto do mundo! A genética, no entanto, é que parece ter muito a ver com isso.

12. Entre as dez cidades mais densamente povoadas do mundo, sete estão território asiático.

Shanghai, Beijing, Istambul, Karachi, Mumbai, Guangzhou e Delhi, todas cidades asiáticas, estão entre as 10 mais densamente povoadas do mundo inteiro.

13. Os japoneses passam por controles rigorosos de peso.

Ao contrário do que algumas fontes costumam afirmar, não se trata de um crime ser obeso no Japão. Entretanto, o governo e as autoridades locais fazem de tudo para conscientizar e tentar controlar o peso de seus cidadãos. Companhias privadas e entidades governamentais possuem, inclusive, a determinação de medir periodicamente a cintura de seus empregados. Aqueles que ultrapassam as medidas consideradas “seguras” pelos padrões japoneses recebem dicas, sugestões e programas de reeducação alimentar para tentarem se readequar.

No entanto, não existe multas ou penas previstas para aqueles que excedem o peso considerado “normal” pelos japoneses.

14. Obras de arte arquitetônicas.

A Ásia está repleta de verdadeiras obras de arte arquitetônicas, desde a antiguidade até a modernidade. A foto que você vê logo acima, por exemplo, foi tirada no “Templo Branco”, na Tailândia, construído e aberto ao público em 1997, e trata-se apenas de um exemplo das maravilhas que você pode encontrar por lá.

15. O conceito de “cultura asiática” é particular do povo do ocidente.

Apesar de ser extremamente comum no Brasil e demais países do ocidente, generalizar os países do oriente e chamá-los de “asiáticos” não é uma prática muito aceita pelos próprios países da Ásia. A ideia de que eles compartilham de características generalizadas entre eles não é muito popular por lá, e cada país aprecia a sua individualidade!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.