fbpx

14 lugares onde você não pode entrar

Viajar pelo mundo e conhecer novos lugares é o hobby de muitas pessoas. No entanto, muitas localidades do nosso planeta são totalmente restritos, ou simplesmente não são assim tão convidativos para os turistas.

Nesta lista, você vai conferir 14 lugares que você dificilmente conseguirá conhecer durante a sua vida.

Veja:

1. Bohemian Grove, EUA.

O Bohemian Grove é um grupo secreto localizado em um território consideravelmente grande nos EUA, onde anualmente centenas de homens se reúnem para atividades que por mais de um século permanecem totalmente desconhecidas.

Todo o mistério envolvendo o grupo faz com que muitos criem boatos, como os que afirmam que o local serve como ponto de encontro para satanistas ou membros do que chamam de “Nova Ordem Mundial”.

O fato é que ninguém sabe exatamente o que é feito por lá, mas diversas personalidades importantes, incluindo presidentes dos EUA, já participaram das atividades.

2. Mezhgorye, Rússia.

Ural-Mountains-Mezhgorye

Esta poderia ser apenas mais uma das várias cidades fantasmas localizadas na Rússia. No entanto, trata-se da cidade mais fechada e isolada do “mundo exterior”, e aparentemente não guarda nenhuma instituição militar, nuclear ou institutos de pesquisa. Justamente por isso, a real utilidade da cidade é um total mistério.

3. Kronstad, Rússia.

Wikicommons

Kronstad é uma pequena cidade russa que foi construída para defender St. Petersburg durante conflitos bélicos. Atualmente, o local atrai uma série de turistas curiosos, que buscam entrar nos fortes localizados na cidade.

No entanto, nem todos os fortes encontram-se abertos atualmente, e muitos estão permanentemente fechados por falta de segurança.

4. Monte Athos, Macedônia.

Monte Athos
Shutterstock

Essa linda montanha localizada na Macedônia é casa para nada menos que 20 incríveis monastérios. No entanto, nem todos podem chegar lá. As mulheres (e até mesmo animais fêmeas) são proibidas de entrar nos monastérios, e o não cumprimento desta determinação pode gerar punições severas para os infratores.

5. O cofre que guarda a receita da Coca-Cola, Georgia-EUA.

Wikicommons

Dizem os rumores que apenas duas pessoas atualmente sabem como é feita a bebida mais consumida no mundo inteiro. A receita é mantida em segredo atrás de um sistema de segurança de última geração localizado na sede da Coca-Cola, em Georgia, nos EUA, e praticamente ninguém pode entrar lá.

6. Deserto Danakil, Etiópia.

Deserto Danakil
Shutterstock

O acesso ao Deserto Danakil não é, de fato, proibido, mas pouquíssimas pessoas se arriscam a passar por lá por conta dos intermináveis conflitos armados e guerras regionais que atingem as fronteiras da Etiópia. Esta região, no entanto, possui uma grande importância histórica. Acredita-se que o local foi habitado por nossos ancestrais mais antigos, e foi também onde pesquisadores encontraram os restos mortais de Lucy, uma Australopithecus afarensis que representa a referência mais antiga de um ancestral dos seres humanos já descoberta.

7. Motuo, China.

Sunrise at Motuo Town, Tibet, China

Os budistas consideram o território de Motuo como uma terra sagrada, e simplesmente não existem ruas e estradas que levem até lá. Para chegar no local (o que não é proibido) você precisa atravessar pontes de até 200 metros de comprimento, e fazer todo o caminho a pé.

8. Oymyakon, Rússia.

Oymyakon
Shutterstock

Oymyakon é um dos lugares habitados mais frios do mundo, com temperaturas que chegam na casa dos -60ºC durante o inverno. Muitos russos vivem por lá e levam bem suas vidas principalmente por conta dos sistemas de calefação e aquecimento. No entanto, é como se a natureza por si só afastasse os turistas da região. Apesar de não ser proibido viajar para lá, pouquíssimas pessoas de outras partes do mundo desembarcam em Oymyakon para conhecer o que é o frio de verdade.

9. Terra Indígena do Vale do Javari, Amazonas.

Vale do Javari
Foto: Reprodução

Este território, localizado na divisa entre o Brasil e o Peru, é casa para tribos que ainda permanecem completamente intocadas pela civilização. Esses povos são protegidos pelas autoridades, já que o contato com os homens urbanos poderia transmitir doenças fatais para os indígenas.

10. Ilhas Pitcairn, Território ultramarino britânico.

Ilhas Pitcairn
Shutterstock

As Ilhas Pitcairn ficam na Polinésia, e são de acesso bastante complicado. Seus únicos habitantes (que giram na casa dos 50) são em grande maioria descendentes da tripulação do HMS Bounty, que realizou um motim contra seu próprio comandante, William Bligh, em meados de 1780.

A única forma de chegar lá é por navio, e a maioria das embarcações que passam pelas ilhas são de origem neozelandesa.

11. Ilha da Sentinela

Wikimedia

Ali vive uma tribo que resiste ao contato com as outras pessoas, e por isso são conhecidos como o povo “mais hostil do mundo”. As pessoas que tentam se aproximar são atacadas com flechas. O governo indiano teve que proibir a ilha de ser visitada.

12. Meca e Medina.

Mecca
Shutterstock

A beleza das cidades de Meca e Medina só pode ser visitada e vista de perto por praticantes do islamismo. Pessoas de outras religiões são proibidas nas cidades, e o descumprimento desta lei pode provocar até mesmo penas de morte.

13. Estrada Karakoram.

Karakoram
Shutterstock

Esta rodovia, que interliga o Paquistão e a China, possui uma elevação surreal de 5km. Apesar de muito bonita, teve que ser permanentemente fechada por conta dos riscos de deslizamentos e avalanches.

14. Área de Relevante Interesse Ecológico Ilhas Queimada Grande e Queimada Pequena.

Ilha Queimada Grande - Itanhaém

Esta ilha, localizada em Itanhaém, no Estado de São Paulo, é habitada apenas por cobras extremamente venenosas, de variadas espécies. O local foi transformado em uma área de preservação, e as únicas pessoas que podem entrar lá são pesquisadores e cientistas devidamente autorizados.

Saiba mais sobre essa ilha aqui.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.