11 fotos que escondem histórias surpreendentes por trás delas

Quem dera a fotografia tivesse sido inventada antes: teríamos a chance de aprender tantas coisas interessantes sobre nossos antepassados! Felizmente, os fotógrafos do século XX trabalharam muito para que pudéssemos aproveitar dessa invenção nos dias de hoje

Já foram capturadas tantas coisas surpreendentes e bizarras através das décadas onde só a fotografia poderia realmente comprovar tantos fatos curiosos. Veja só algumas imagens antigas que escondem histórias interessantes por trás de seus bastidores:

1 – Sessão do médium Franek Kluski em Varsóvia, 1919

Franek Kluski alegava que ele poderia materializar espíritos e uma de suas “materializações” supostamente foi capturada na foto acima. Outro tipo de “milagre” que ele afirma ter realizado incluía impressões de mãos de fantasmas em parafina derretida.

Suas habilidades eram realmente “impressionantes”, para as pessoas da época, é claro. Uma vez se pediu ao médium que materializasse um rosto. Quando as pessoas abriram os olhos, viram a impressão de outra parte do corpo: uma impressão de nádegas foi encontrada na cera. Mais tarde, confirmou-se que Kluski sofreu uma queimadura em suas nádegas.

Que coincidência, não é mesmo?

2 – Um homem e uma mulher jogando tênis em cima de um avião em voo, 1925

Muitas pessoas acham que essa foto colorida é falsa porque representa uma situação impossível. Mas esta imagem é real e as pessoas são Ivan Unger e Gladys Roy, famosos trapezistas.

É claro que eles não estavam jogando tênis: estavam posando com raquetes. Mas ainda assim, é impressionante, não é mesmo? A propósito, estes truques são populares nos dias de hoje e as técnicas tornaram-se muito mais seguras.

3 – Passeata contra a proibição do álcool, 1931

A história nos mostra que as proibições ao álcool geralmente contribuem para a busca excessiva pelo consumo bebidas alcoólicas. E onde há demanda, haverá oferta: nos 13 anos em que a proibição durou, surgiram muitas gangues criminosas de contrabando que forneciam álcool às pessoas.

4 – Goalie Terry Sawchuk sendo atingido no rosto, 1950

Você sabia que demorou até 1979 para o capacete de hóquei se tornar um equipamento obrigatório para os jogadores da Liga Nacional de Hockey? Pelo menos elementos de proteção, como joelheiras e cotoveleiras, já eram obrigatórias. Já era de se esperar que Terry Sawchuk acabaria tendo um monte de lesões por conta do jogo.

5 – Christine Keeler antes de seu julgamento no Old Bailey, Londres, 1963

Ela é considerada a Mata Hari dos anos 60. Embora Christine não tenha sido privada da vida, ela ainda era a figura principal do caso Profumo.

A modelo de 19 anos Christine Keeler teve um caso com o Secretário de Estado britânico da Guerra, John Profumo, bem como com a diplomata soviética, Yevgeny Ivanov, a quem ela poderia ter passado informações confidenciais, embora isso nunca tenha sido provado isso.

6 – Stefan Michalak recebeu queimaduras em formatos estranhos depois de afirmar ter visto uma aeronave estranha em Falcon Lake, Canadá, em 1967

O geólogo amador Stefan Michalak disse que viu dois objetos estranhos no céu e um deles pousou em uma rocha. Ele disse que decidiu se aproximar e percebeu que a entrada do veículo voador estava aberta e ele podia ouvir vozes humanas.

Ele pensou que era algum tipo de nave experimental da Força Aérea dos Estados Unidos, de modo que se aproximou ainda mais e perguntou se havia algo errado. As vozes silenciaram e Stefan não recebeu resposta. Ele queria entrar, mas o veículo de repente voou para longe e Stefan foi atingido por uma explosão de ar ou gás que deixou um padrão estranho em seu corpo.

Adicionalmente, Stefan relatou também ter sofrido sintomas de doença de radiação, e rádio-226 foi achado no lugar onde a aeronave havia pousado. Os médicos concluíram que o homem era mentalmente saudável e não era propenso a alucinações. Como ninguém conseguiu explicar essa história, ela é considerada verdadeira.

7 – O Xá do Irã, Mohammad Reza Pahlavi, com sua esposa Farah e filhos na praia, 1970

É inacreditável, mas há quase 50 anos os iranianos pareciam mais modernos do que agora. Eles apareciam em público usando roupas europeias e as mulheres não escondiam seus cabelos. Esta foto foi tirada nove anos antes da Revolução Iraniana, quando o Xá foi deposto e teve que fugir com sua família para o Egito.

8 – Operação Babylift, 1975

Em abril de 1975, os EUA decidiram evacuar mais de 2.000 crianças do Vietnã do Sul (onde a situação estava realmente desastrosa) para os Estados Unidos e outros países. Quando o empresário americano Robert Macauley soube que levaria muito tempo para evacuar os órfãos devido à falta de aviões de transporte militar, ele fretou um avião e providenciou o transporte de 300 crianças para que deixassem o país, pagando a viagem hipotecando sua casa.

Tiana Mykkeltvedt e Wendy Greene foram duas das crianças que haviam sido evacuadas do Vietnã em 1975. Em 2005, no ano do 30º aniversário da operação, elas voltaram para seu país de origem para homenagear as pessoas que participaram de sua salvação.

9 – Louise Brown, o primeiro ser humano nascido após a concepção por fertilização in vitro, 1978

Esta foto parece uma foto comum de um bebê. Claro que a fertilização in vitro não é um milagre hoje em dia, mas há 40 anos foi um evento incrível. O primeiro ser humano nascido com esse tipo de concepção foi a britânica Louise Brown. Hoje, existem mais de 6 milhões de crianças nascidas com a ajuda deste método.

Essa é Louise nos dias de hoje. Ela trabalha como babá e tem um marido e dois filhos que nasceram naturalmente.

10 – Milli Vanilli recebendo um prêmio Grammy imerecido, 1990

Esta banda uma vez popular foi criada pelo produtor de discos alemão Frank Farian em 1988, mas os cantores nunca apareceram no palco. Farian acreditava que o público não gostava dos homens de 40 anos e é por isso que dois caras com uma aparência mais atraente, Rob Pilatus e Fabrice Morvan, fingiram ser os cantores.

Os homens dançavam e seus lábios eram tão bem sincronizados com a música que ganharam um prêmio Grammy. Mas a verdade foi revelada e a banda foi destituída do prêmio. A propósito, não se sabe porque Farian não deixou os dois cantarem, porque na vida real eles podiam cantar muito bem.

11 – Príncipe Charles e Princesa Diana durante sua visita à Coréia do Sul, 1992

Essa foto explica tudo: os cônjuges olhando em direções diferentes, mostrando que o casamento já havia se deteriorado. Charles e Diana se separaram logo depois disso, apesar de não se divorciarem oficialmente até 1996. Mais tarde, Elizabeth II chamou o ano de 1992 como o “annus horribilis” (uma frase latina que significa “ano horrível”). Seus filhos Charles e Andrew terminaram com as esposas e a filha Anne divorciou-se do marido.

[Bright Side]

Comentários
Carregando...