10 dos maiores mistérios não resolvidos na história da humanidade

A maioria dos mistérios, sejam eles revelados em uma cena do crime ou através do processo científico, chegam a explicações perfeitamente razoáveis. É apenas uma questão de descobrir qual é a explicação. Infelizmente, porém, a explicação não vem de maneira muito fácil… Existem ainda hoje dezenas ou centenas de mistérios não-resolvidos – e quando o caso esfria, geralmente permanece assim.

Com isso em mente, fique agora com os 10 dos mais estranhos mistérios não resolvidos na história da humanidade.

1. Em 1948, um homem morto – muitas vezes referido simplesmente como “O Homem Desconhecido” ou “O Homem de Somerton” – foi descoberto na Praia de Somerton, na Austrália. Não havia como identificá-lo porque ninguém conseguia encontrar uma correspondência dos seus registros dentários. E, embora houvesse alguma suspeita de que ele tivesse sido envenenado, a autópsia não apresentou nenhum vestígio de veneno em seu corpo. Adicionando ao mistério, havia uma nota costurada no bolso das suas calças, que dizia “Taman Shud”.

As palavras, que literalmente significavam “está completo”, eram de The Rubaiyat, uma coleção de poesias de Omar Khayyam. O papel em si era na verdade uma página arrancada de uma cópia do livro encontrado em um carro perto da praia. A polícia não conseguiu decodificar a mensagem escondida, mas havia um número de telefone de uma enfermeira que, quando questionada, revelou que ela havia dado o livro a um homem chamado Albert Boxall. Com essa informação, a polícia inicialmente pensou que eles tinham identificado o corpo – mas descobriram que Boxall estava vivo. Então, quem era o homem morto na praia? Até hoje, ninguém sabe…

2. Em 1987, um homem que usava uma máscara de Max Headroom – o apresentador virtual da série de televisão dos anos 80 “The Max Headroom Show” – interrompeu uma transmissão do Doctor Who em uma estação de afiliados da PBS em Chicago para falar de um assunto perturbador, estranho e em grande parte ininteligível.

Ninguém sabe quem era o homem misterioso.

3. Em 1964, uma embarcação salva-vidas, com madeira, tambores, remos e um tanque de cobre, foi encontrada na Ilha de Bouvet, uma ilha subantártica desabitada localizada no Oceano Atlântico Sul, apesar de ser um dos lugares mais isolados do planeta. A vida vegetal não pode se desenvolver por lá, o que provavelmente significa que nunca foi habitada por outros seres vivos.

Nenhum passageiro, nem mesmo marcas de identificação foram encontradas. Dois anos depois, quando outra expedição foi vasculhar a área, o bote salva-vidas desapareceu.

Use o menu abaixo para continuar vendo o post

Veja também: Mais do autor

Comentários

Carregando...