10 coisas que ocorrem na casa dos chineses que jamais conseguiríamos nos acostumar

Há 7 anos, Masha Pipenko chegou a Xangai pela primeira vez para visitar seus amigos. Ela acreditou que tudo não seria tão diferente de como é nos Estados Unidos, no Brasil, entre outros países, porém se surpreendeu com a forma em que os chineses levam suas vidas diariamente.

Hoje em dia ela diz estar se acostumando com a vida cotidiana dos chineses, principalmente pelo lugar onde se encontra, uma pequena cidade interiorana nas montanhas de Wudang, apesar de tudo ser bem diferente.

Essas são as 10 coisas que ocorrem na casa dos chineses que jamais conseguiríamos nos acostumar. Veja a seguir e responda: será que você conseguiria encará-las?

10 – Os chineses raramente convidam amigos para visitar sua casa

É muito difícil acontecerem tais convites porque tradicionalmente a comida deve consistir em uma variedade de pratos. Se os amigos quiserem se encontrar, eles costumam ir a um restaurante. É barato, mesmo apesar da tradição chinesa de que “aquele que convida paga para todos”.

Em Wugang, um excelente jantar para 5 pessoas varia entre 35 e 60 dólares. Normalmente, os amigos se convidam alternadamente.

9 – Muitas casas não têm local para tomar banho nem banheiro

Alguns apartamentos de fato não possuem banheiros, sendo que existem andares com locais para que as pessoas façam suas necessidades. Alguns trabalhadores inclusive tomam banho em seus próprios trabalhos por esse motivo.

8 – As cozinhas geralmente são muito pequenas

Há apenas uma pia, alguns armários para fazer porções pequenas e rápidas de comida, já que os chineses não fazem grandes refeições.

7 – O aluguel na China não é barato

Os preços no país são variados, porém a média no interior vai de 150 dólares até 250. Esse valor é considerado alto por conta do salário mínimo recebido pela população, mas a gama de preços em todo o país é enorme.

Em Xangai, por exemplo, os apartamentos menores são alugados de US $ 500 a US $ 2.500 por mês. Por essa razão, muitos chineses acabam decidindo morar juntos, mesmo sem nenhum parentesco.

6 – Mesmo que tenha banheiro na residência, eles são totalmente diferentes

Mesmo que haja um banheiro, o local é totalmente diferente do que você conhece: ou seja, não há um vaso sanitário habitual, tendo uma espécie de “buraco” no chão onde os chineses se sentam de cócoras e fazem suas necessidades.

5 – Quando há chuveiros, eles podem estar instalados em qualquer lugar

As banheiras só são encontradas em hotéis de luxo e provavelmente nas casas de chineses ricos em grandes cidades. Os apartamentos podem ter apenas um chuveiro, que pode estar em qualquer lugar da casa, especialmente na lavanderia.

A água do chuveiro cai diretamente no chão, ou seja, você toma banho e faz uma faxina no local ao mesmo tempo.

4 – Não há vasos sanitários nos banheiros, porém nos restaurantes sim e eles são peças decorativas

Os vasos sanitários são itens de tanto luxo que você pode encontrá-los dessa forma em restaurantes e lanchonetes especiais.

Já imaginou ter de levar uma pessoa que estivesse saindo a um local desses? Você teria coragem?

3 – Novas casas são vendidas sem janelas

Quando uma casa é comprada, as janelas são colocadas lá pelos proprietários. Muitas vezes as janelas vazias contrastam com outras cheias de roupas penduradas.

Outro ponto interessante é que as janelas quase sempre estão com grade, porém não por causa de ladrões e sim pelo fato das crianças se acidentarem com frequência.

2 – Não há água quente centralizada

Entretanto, existem aquecedores de água nos banheiros. Outro atributo indispensável da casa de banho chinesa são as lâmpadas de aquecimento no teto.

No sul da China (o que inclui a China Central) não há aquecimento nas casas. De qualquer modo, quando chega o inverno de 0 e 10 graus de temperatura, alguns moradores até mesmo fazem fogueiras dentro de suas próprias casas.

1 – As diferenças são gritantes em poucos quilômetros de distância

Existem diferenças gritantes entre dialetos e o modo de vida de uma cidade pra outra, de modo que os habitantes de duas cidades vizinhas não podem ser entendidos porque falam diferentes dialetos. Inclusive, a comida que você gosta em uma cidade pode não ser encontrada em outra e assim por diante.

Diferente, não é mesmo?

[Genial Guru]

Comentários
Carregando...