Veja quais são os 10 maiores erros que devem ser evitados nas redes sociais

2.008 visitas
Com o auxílio de alguns especialistas no ramo, preparamos para você uma lista dos dez maiores erros ao usar a rede social.

As redes sociais são amplamente usadas por quase todos os indivíduos que conhecemos. Afinal, até mesmo no trabalho é comum que adicionemos as pessoas e assim é que começamos a compartilhar um pouco mais da vida com elas. No entanto, muitos de nós cometemos erros que às vezes são irremediáveis e podem trazer consequências gravíssimas tanto a você como aos outros que podem se sentir prejudicados.

Por isso, com o auxílio de alguns especialistas no ramo, preparamos para você uma lista dos dez maiores erros ao usar a rede social. Confira quais são eles e evite-os se possível:

10  – Usar redes sociais no trabalho

“As pessoas insistem em checar constantemente seu perfil nas redes sociais para interagir com uma pessoa ou outra. Porém no trabalho isso não é bem visto, já que você deve priorizar a atenção nas suas funções e também aos colegas. Deixe para fazer isso na hora do intervalo ou quando chegar em casa.”

Simone Taiss, coordenadora de recrutamento da FIAT.

9 – Abraçar ideologias políticas ou religiosas

Além de ser algo totalmente desagradável, já que o motivo que te levou a acreditar em um candidato ou em uma religião é algo extremamente pessoal, isso pode te prejudicar no trabalho, dependendo da área em que você atua.

Segundo a professora do curso de Gestão de RH da Universidade São Judas Tadeu, Caroline de Angelis: “Dependendo de onde você atua, sua posição política e religiosa pode interferir muito em seu trabalho caso ela não seja a mesma da empresa. Os discursos postados com o fim de influenciar as pessoas chamam a atenção negativamente e existem casos que pode haver afastamento ou até mesmo demissão.”

Ou seja, jamais deixe que suas crenças afetem sua vida pessoal – caso sinta-se bem com elas, mantenha-as para si.

8 – Ficar vasculhando a vida dos outros

Sabe aquele ditado “quem procura, acha”? Pois é! Caso você procure qualquer coisa que te faça acreditar em algo que você queira acreditar, você vai encontrar. Não porque a paranoia em questão exista de fato, mas pelo fato das redes sociais serem subjetivas o suficiente para qualquer um dar a interpretação que quiser sobre tudo.

Use-a com sabedoria para o bem de sua saúde mental, ou nem use as redes sociais.

7 – Preconceito

“Todos os dias acabamos curtindo páginas ou compartilhando postagens de teor preconceituoso e devemos evitar este tipo de prática. Muitas pessoas, além de se prejudicarem muito com este ato, compartilham posts que revelam que ela tem um grande descontentamento pelo trabalho ou por acordar cedo e isso pode gerar graves consequências ao indivíduo em seu ambiente de trabalho.”

Raquel Recuero, professora e pesquisadora do programa de pós-graduação em Linguística da UCPEL (Universidade Católica de Pelotas).

6 – Falar o que você não diria pessoalmente

Além de demonstrar imaturidade, muitas pessoas estão usando as facilidades tecnológicas para dizerem aquilo que bem entendem, não se preocupando se o receptor ficará chateado com aquilo que irá receber. Por isso, pense duas vezes antes de expor suas emoções na web.

5 – Excesso de intimidade

“Nas redes sociais é sempre possível descobrimos um pouco mais da vida das pessoas, pois podemos ver os gostos musicais, as preferências de leitura e cinema, além de fotos e vídeos pessoais de alguém com sua família, etc.

No entanto, é necessário impor limites e é importante não se expor demais na internet, tanto pela falta de necessidade como por sua própria segurança. Nós nunca sabemos quem está por trás da telinha nos vigiando e aí está o problema. O indicado é sempre manter um conteúdo mais genérico nas redes sociais e nunca expor dados pessoais”.

Alexandre Estanislau, sócio e diretor de criação da Bolt Brasil Comunicação

4 – Falar mentiras

Nem precisamos dizer que as mentiras têm perna curta e, ao mínimo deslize, podemos descobrir a verdade, não é mesmo?

Existem pessoas que informam que estão doentes no trabalho e logo postam fotos em plena diversão no Facebook, o que prova que apenas faltaram para comparecerem em algum evento. Não faça isso!

3 – Escorregar na ortografia

É claro que durante conversas rápidas entre amigos, muitas vezes deixamos a ortografia a desejar e isso é perfeitamente comum. Porém, tome cuidado com seus posts públicos e conversas entre pessoas do trabalho. O uso de abreviações pode inclusive criar uma linguagem coloquial e descontraída e, por isso, evite.

2 – Expor insatisfações profissionais

“Precisamos entender que as redes sociais são janelas abertas para o mundo e todos conseguem acessar o que você escreve nelas. A repercussão de seus posts podem chegar inclusive às autoridades do local onde você trabalha, gerando consequências graves.”

Gilberto Guimarães, diretor do MBA Executivo em Liderança e Gestão de Pessoas do BSP (Business School São Paulo).

1 – Fugir de todas as redes sociais

Evitar o envolvimento social pode ser um grande problema, principalmente se você trabalha na área de comunicação ou marketing. Devemos sempre estar atualizados com o que acontece pelo mundo e manter o contato com as pessoas, de modo que muitas empresas fazem o uso do Messenger, Skype ou WhatsApp para se comunicarem. Por isso, não abandone tudo e sim aprenda utilizá-las com responsabilidade.

[Universia Brasil]

CONTINUAR LENDO
Luciana Calogeras é professora e pesquisadora curiosa em diversas áreas do conhecimento. Qualquer sugestão ou feedback, fique à vontade para entrar em contato em seu perfil do Facebook.

Comentários