Ele deixou seu celular ser roubado propositalmente, espiou o ladrão por duas semanas e fez um documentário sobre isso

Ele deixou seu celular ser roubado propositalmente, espiou o ladrão por duas semanas e fez um documentário sobre isso
5.319 visitas
Ele deixou seu celular ser roubado propositalmente, espiou o ladrão por duas semanas e fez um documentário sobre isso

O estudante de cinema Anthony van der Meer teve seu iPhone roubado e a ideia de que um estranho teve acesso a todos os seus dados pessoais realmente preocupou ele. Que tipo de pessoa roubaria um telefone? Para onde é que esses telefones acabam indo? Essas eram suas principais perguntas. Para obter respostas, Anthony teve outro telefone roubado de propósito, mas desta vez ele espiou o ladrão usando um aplicativo instalado de forma escondida no celular e fez um documentário cativante sobre todo o processo.

“Find my Phone” foi possível por causa de um aplicativo de spyware chamado Cerberus. Usando-o, van der Meer foi capaz de monitorar remotamente e controlar seu telefone sempre que ele estava ligado e conectado à internet. Anthony ouviu os telefonemas do ladrão, leu suas mensagens, tirou fotos e até gravou áudio e vídeo. O cineasta comprimiu tudo em um emocionante filme documental de 21 minutos que destaca como é fácil espionar alguém na era digital. O vídeo já foi visto por mais de 1,7 milhões de pessoas.

A última atualização mostra que o telefone dele ressurgiu na Romênia.

Mais em: anthonyvdmeer.nl

Bruno Silveira, é publicitário de formação, especialista em marketing digital por opção e curioso de nascença! Curador de conteúdo, redator do premiado site Mistérios do Mundo e vive viajando pelo mundo com o projeto que idealizou - www.nomades011.com

Comentários